PARTO SEM DESTINO


Parto sem destino
Dobro a última esquina
Faço aceno ao Divino
Recordo quando era menina
Meus passos tristes e lentos
Virgem de sonhos e pensamentos.

Faço pequeno balanço da vida
Alimento esperança, nem sei de quê
A memória levo já descolorida
E a luz nos olhos já mal se vê.
Esqueço o encantamento e a emoção.
Trago comigo a nostalgia da infância
Talvez me chegue a madrugada ao coração.
Surja alguma estrela, nesta febril ânsia.

Levo comigo o tudo e o nada
Encho-me de liberdade, como pombo solto
E se alcançar a madrugada?!
Não volto!
Parto-me na lonjura
Esqueço tudo no meu olhar caído
Já de mim não sinto pena, só loucura,
Pena do tempo eu ter perdido.

Já não tenho a força da semente
Morro nestas palavras e sua inquietude
Neste sonho reposarei serenamente
Levo da vida saudade da Juventude.

natalia nuno
 

Submited by

Martes, Diciembre 28, 2010 - 21:25

Poesia :

Sin votos aún

natalianuno

Imagen de natalianuno
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 17 semanas 1 día
Integró: 12/17/2009
Posts:
Points: 697

Comentarios

Imagen de Susan

Um poema sentido me vejo nos

Um poema sentido me vejo nos teu versos ...

Beijos

Susan

Imagen de natalianuno

agradecimento

Olá Susan

Grata pelo carinho.

Beijinho grande

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of natalianuno

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Desilusión adeus ao que não volta mais... 1 210 07/23/2019 - 16:47 Portuguese
Fotos/Historia Templo de Ho Che Minh/Camboja 0 296 07/23/2019 - 14:41 Portuguese
Fotos/Ciudades Hong Kong 0 219 07/23/2019 - 14:33 Portuguese
Poesia/General palavras d'água... 0 254 04/07/2019 - 12:18 Portuguese
Poesia/Desilusión foi ao espelho e nunca mais voltou... 0 370 04/14/2016 - 16:46 Portuguese
Poesia/Desilusión não matem os pássaros 0 449 04/14/2016 - 16:41 Portuguese
Poesia/Desilusión pequena prosa poética 0 429 04/06/2016 - 23:11 Portuguese
Poesia/Amor palavras por dizer... 0 395 04/05/2016 - 17:25 Portuguese
Poesia/Amor passo o tempo a desejar-te 0 432 04/05/2016 - 17:18 Portuguese
Poesia/Desilusión já não me sei... 2 465 04/05/2016 - 17:13 Portuguese
Poesia/General tantas ilusões... 0 468 04/02/2016 - 16:29 Portuguese
Poesia/General um resto de sonho... 0 657 01/25/2013 - 11:29 Portuguese
Fotos/Ciudades MOSCOVO-METRO 0 1.169 01/23/2013 - 00:13 Portuguese
Fotos/Historia CHINA-MURALHA 0 1.232 01/23/2013 - 00:06 Portuguese
Poesia/Meditación sonho dum momento só meu 6 778 01/22/2013 - 23:19 Portuguese
Poesia/General desafio o silêncio 4 1.227 01/21/2013 - 23:58 Portuguese
Poesia/Amor MEU AMOR 5 1.012 01/21/2013 - 15:36 Portuguese
Poesia/Dedicada gosto de coisas simples 1 1.022 08/11/2012 - 19:19 Portuguese
Poesia/Desilusión NO EXÍLIO DA MEMÓRIA 3 942 06/01/2012 - 18:44 Portuguese
Poesia/Desilusión ESPELHO D'ÁGUA 1 772 04/26/2012 - 22:04 Portuguese
Poesia/Tristeza ENTRE O SONHO E O VAZIO 5 857 04/19/2012 - 21:13 Portuguese
Poesia/General GOTAS DE ORVALHO 3 736 04/17/2012 - 18:03 Portuguese
Poesia/General ALGUÉM ME ABRIU OS BRAÇOS 4 574 04/17/2012 - 17:53 Portuguese
Fotos/Monumentos CATEDRAL D'UOMO MILÃO 0 4.135 04/13/2012 - 14:27 Portuguese
Fotos/Monumentos Catedral de Milão 0 1.360 04/13/2012 - 14:22 Portuguese