CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

ADORMECER NO VAZIO

Na cama do desassossego espreita a Lua
É lá que o sono não vem, na noite calada
Chamo p'lo teu nome,mas a verdade é crua
Estou sózinha, abstracta,memória cansada

.As janelas dos meus olhos bem me avisaram!?
Da tua ausência Amor que minha alma consome
Morrem meus sentidos, aqui dentro, agonizaram!
Meus lábios se agitam qual besta a gritar de fome


Na minha lembrança, fragmentos que são sóis
Agora os dias sem chama já se rojam a meus pés
E na cama onde cai a Lua, ainda os mesmos lençóis

Dentro do meu peito a visão de coisas apagadas.
Sempre a saudade, feita da ausência que foste!És!
Já as ternuras arrefecem no pensamento ceifadas.

natalia nuno

Submited by

quarta-feira, dezembro 29, 2010 - 22:28

Poesia :

No votes yet

natalianuno

imagem de natalianuno
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 32 semanas 3 dias
Membro desde: 12/17/2009
Conteúdos:
Pontos: 697

Comentários

imagem de Susan

Nátalia que soneto

Nátalia que soneto maravilhoso ...

Muito bom te ler !!!!

beijos

Susan

imagem de natalianuno

Susan tenho alguns sonetos

Susan tenho alguns sonetos que hei-de postar.

Eu adoro sonetos, nem sempre consigo que fiquem

muito bons, mas é sempre uma tentação criar algum.

Obrigada, fico contente que gostásses.

Beijo para ti

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of natalianuno

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão adeus ao que não volta mais... 1 321 07/23/2019 - 17:47 Português
Fotos/História Templo de Ho Che Minh/Camboja 0 450 07/23/2019 - 15:41 Português
Fotos/Cidades Hong Kong 0 376 07/23/2019 - 15:33 Português
Poesia/Geral palavras d'água... 0 347 04/07/2019 - 13:18 Português
Poesia/Desilusão foi ao espelho e nunca mais voltou... 0 416 04/14/2016 - 17:46 Português
Poesia/Desilusão não matem os pássaros 0 547 04/14/2016 - 17:41 Português
Poesia/Desilusão pequena prosa poética 0 508 04/07/2016 - 00:11 Português
Poesia/Amor palavras por dizer... 0 481 04/05/2016 - 18:25 Português
Poesia/Amor passo o tempo a desejar-te 0 477 04/05/2016 - 18:18 Português
Poesia/Desilusão já não me sei... 2 521 04/05/2016 - 18:13 Português
Poesia/Geral tantas ilusões... 0 518 04/02/2016 - 17:29 Português
Poesia/Geral um resto de sonho... 0 712 01/25/2013 - 12:29 Português
Fotos/Cidades MOSCOVO-METRO 0 1.270 01/23/2013 - 01:13 Português
Fotos/História CHINA-MURALHA 0 1.348 01/23/2013 - 01:06 Português
Poesia/Meditação sonho dum momento só meu 6 870 01/23/2013 - 00:19 Português
Poesia/Geral desafio o silêncio 4 1.279 01/22/2013 - 00:58 Português
Poesia/Amor MEU AMOR 5 1.094 01/21/2013 - 16:36 Português
Poesia/Dedicado gosto de coisas simples 1 1.107 08/11/2012 - 20:19 Português
Poesia/Desilusão NO EXÍLIO DA MEMÓRIA 3 983 06/01/2012 - 19:44 Português
Poesia/Desilusão ESPELHO D'ÁGUA 1 815 04/26/2012 - 23:04 Português
Poesia/Tristeza ENTRE O SONHO E O VAZIO 5 928 04/19/2012 - 22:13 Português
Poesia/Geral GOTAS DE ORVALHO 3 801 04/17/2012 - 19:03 Português
Poesia/Geral ALGUÉM ME ABRIU OS BRAÇOS 4 678 04/17/2012 - 18:53 Português
Fotos/Monumentos CATEDRAL D'UOMO MILÃO 0 4.339 04/13/2012 - 15:27 Português
Fotos/Monumentos Catedral de Milão 0 1.487 04/13/2012 - 15:22 Português