CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Dança comigo

O teu peito beija o meu
Escuto o bater
Em vibrações silenciosas
Com ecos em espasmos

As mãos abordam os ombros
E o corpo desliza
Na harmonia instrumentada
Exercitada em golpes da alma

Um singelo canto
Nos flancos da deslocação
Os cabelos dispersam-se
Na brisa que envolve o decorrer

Compassos autênticos
Com as silhuetas de fronte
A vislumbrarem o ar
Na insustentável suavidade
Dos passos
As faces coladas
Num jugo em sintonia…

Vem!
Amor dança comigo
Mais uma vez…

Submited by

sábado, abril 3, 2010 - 19:05

Poesia :

No votes yet

AnaCoelho

imagem de AnaCoelho
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 11 semanas
Membro desde: 11/14/2008
Conteúdos:
Pontos: 1789

Comentários

imagem de Librisscriptaest

Re: Dança comigo

"As mãos abordam os ombros
E o corpo desliza"

De facto é impossivel não deslizar pela melodia harmoniosa das tuas palavras q nos embalam em valsas doces de sentimentos!
Beijinho em ti Ana!
Inês

imagem de Henrique

Re: Dança comigo

Uma dança de palavras singelas, uma poesia com silhueta de amor!!!

:-)

imagem de mariamateus

Re: Dança comigo

:-) ANA

Excelente dança...Se mantenha viva,essa sintonia:-x

Gostei!!!

Amo ler-te!

Beijo carinhoso para ti amiga....

mm

imagem de jopeman

Re: Dança comigo

talvez sempre dançassem ao mesmo ritmo, ou o tempo os foi ensinando com uma preciosa canção.

gostei mto

bjos

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AnaCoelho

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Densidade do olhar 2 1.318 03/15/2018 - 09:38 Português
Poesia/Amor Contigo aprendi a sonhar 2 1.341 03/15/2018 - 09:37 Português
Poesia/Meditação Onde as nuvens pousam 1 824 11/07/2015 - 11:14 Português
Poesia/Meditação Lágrimas quentes 0 1.057 12/22/2012 - 20:02 Português
Poesia/Amor Juntos galgaremos as margens 0 1.393 12/20/2012 - 02:10 Português
Poesia/Aforismo Há uma pauta aberta 0 934 10/08/2012 - 06:36 Português
Poesia/Intervenção Fazer das letras os gestos 0 1.624 07/21/2012 - 21:14 Português
Poesia/Meditação Os vales da realidade 3 833 07/09/2012 - 08:10 Português
Poesia/Meditação Um oásis que flutua 0 537 06/25/2012 - 16:33 Português
Poesia/Dedicado Não há lábios nem lágrimas 0 1.123 06/24/2012 - 12:16 Português
Poesia/Meditação Num grito estagnado 1 1.108 06/21/2012 - 18:21 Português
Poesia/Amizade Amigo...preenchimento do verbo amar 1 1.100 06/20/2012 - 20:54 Português
Poesia/Meditação Cadências cálidas 1 917 06/14/2012 - 10:10 Português
Poesia/Meditação Esquina da palavra 1 1.623 06/13/2012 - 08:40 Português
Poesia/Intervenção Pura ilusão cega 3 1.017 04/15/2012 - 17:35 Português
Poesia/Meditação Esquina de cada utopia 1 1.220 01/06/2012 - 17:32 Português
Poesia/Meditação Os braços sonham ser asas 0 1.597 12/31/2011 - 01:49 Português
Poesia/Meditação Mar de nada 1 1.286 12/11/2011 - 19:44 Português
Poesia/Meditação Traição do destino 0 1.286 12/04/2011 - 22:41 Português
Poesia/Meditação Caminho aberto 0 1.162 11/30/2011 - 22:23 Português
Poesia/Meditação Desígnios da vida 0 1.038 11/29/2011 - 21:06 Português
Poesia/Amor Amor entre poetas 2 2.200 10/20/2011 - 13:08 Português
Poesia/Dedicado Agora Setembro Renasce 0 2.584 09/23/2011 - 05:35 Português
Poesia/Meditação Os argumentos de um poema 0 1.928 09/22/2011 - 03:49 Português
Poesia/Meditação EXCERTOS DA ALMA 1 1.701 09/19/2011 - 15:25 Português