CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Jesus no calvário

Passos pesados o ar carregado
no olhar o amor espelho para a humanidade
coroa de espinhos, pecados do povo
que O não reconheceu (reconhece)
suor de sangue, gota a gota
no esplendor do rosto em sofrimento.

Por mim
por ti
por nos...
Em amor
obediência ao Pai do céu.

Passos pesados
cruz nas costas marcas vincadas
feridas abertas pela cegueira humana
não o reconheceram (reconhecem)
foi humilhado xingado
castigado na sua pureza.

Por mim
por ti
por nos...
Em amor
obediência ao Pai do céu.

A multidão O observava
mas poucos O viram...
No calvário
os pregos fundos tocaram
Seu sangue verteu
Sua boca não se abriu
perdoo e rogou ao Pai.

Por mim
por ti
por nos...
Em amor
obediência ao Pai do céu.

O véu se rompeu
para que a humanidade o sentisse
mas ainda hoje muitos não o reconhecem...

Ressucitou e vive
no coração que O recebe...

Submited by

sábado, abril 11, 2009 - 19:57

Poesia :

No votes yet

AnaCoelho

imagem de AnaCoelho
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 7 anos 14 semanas
Membro desde: 11/14/2008
Conteúdos:
Pontos: 1789

Comentários

imagem de KeilaPatricia

Re: Jesus no calvário

Ana que lindo!!!

Foi sim no calvário, que nosso amando mestre verteu seu sangue carmesim por nos pecadores, obedeceu ao Pai, e se entregou por amor a todos que o aceitarem como Salvador... Ana sua poesia é sim divinal, pois fala do maior dos amores, o amor de Deus para com a humanidade, esse é o maior amor, é mais profundo que todos os amores...

“Deus é amor”
I João 4:8

“Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”
João 3:16

“Vejam como é grande o amor do Pai por nós! O seu amor é tão grande, que somos chamados de filhos de Deus”
I João 3:1

Somos filhos de Deus graças a sua infinita misericordia...

Ana amei seu poema parabéns...

imagem de Henrique

Re: Jesus no calvário

Uma dor que tantas vezes nos passa ao lado na vida, e que nos ensina a superar as adverssidades...

:-(

imagem de Zezinho

Re: Jesus no calvário

Que lindo,te confesso que quase chorei sou um apaixonado por Cristo,ja senti a presença dele diversas vezes.Ja pudi observar a sua luz.Nimguem e obrigado a cre,cre quem que,quem o ama quem acredita na vida,na filosofia em Deus Pai o todo poderoso,nosso unico Deus.Muitas coisas começam quando se terminam.Um grande Beijo.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AnaCoelho

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Densidade do olhar 2 1.777 03/15/2018 - 09:38 Português
Poesia/Amor Contigo aprendi a sonhar 2 1.726 03/15/2018 - 09:37 Português
Poesia/Meditação Onde as nuvens pousam 1 1.308 11/07/2015 - 11:14 Português
Poesia/Meditação Lágrimas quentes 0 1.341 12/22/2012 - 20:02 Português
Poesia/Amor Juntos galgaremos as margens 0 1.840 12/20/2012 - 02:10 Português
Poesia/Aforismo Há uma pauta aberta 0 1.229 10/08/2012 - 06:36 Português
Poesia/Intervenção Fazer das letras os gestos 0 1.923 07/21/2012 - 21:14 Português
Poesia/Meditação Os vales da realidade 3 1.292 07/09/2012 - 08:10 Português
Poesia/Meditação Um oásis que flutua 0 859 06/25/2012 - 16:33 Português
Poesia/Dedicado Não há lábios nem lágrimas 0 1.486 06/24/2012 - 12:16 Português
Poesia/Meditação Num grito estagnado 1 1.497 06/21/2012 - 18:21 Português
Poesia/Amizade Amigo...preenchimento do verbo amar 1 1.553 06/20/2012 - 20:54 Português
Poesia/Meditação Cadências cálidas 1 1.325 06/14/2012 - 10:10 Português
Poesia/Meditação Esquina da palavra 1 2.139 06/13/2012 - 08:40 Português
Poesia/Intervenção Pura ilusão cega 3 1.417 04/15/2012 - 17:35 Português
Poesia/Meditação Esquina de cada utopia 1 1.608 01/06/2012 - 17:32 Português
Poesia/Meditação Os braços sonham ser asas 0 1.890 12/31/2011 - 01:49 Português
Poesia/Meditação Mar de nada 1 1.588 12/11/2011 - 19:44 Português
Poesia/Meditação Traição do destino 0 1.615 12/04/2011 - 22:41 Português
Poesia/Meditação Caminho aberto 0 1.554 11/30/2011 - 22:23 Português
Poesia/Meditação Desígnios da vida 0 1.382 11/29/2011 - 21:06 Português
Poesia/Amor Amor entre poetas 2 2.625 10/20/2011 - 13:08 Português
Poesia/Dedicado Agora Setembro Renasce 0 3.163 09/23/2011 - 05:35 Português
Poesia/Meditação Os argumentos de um poema 0 2.310 09/22/2011 - 03:49 Português
Poesia/Meditação EXCERTOS DA ALMA 1 2.118 09/19/2011 - 15:25 Português