CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Gabiel Garcia Marquez - Memória das minhas putas tristes

O sexo é o consolo de uma pessoa quando lhe falta o amor.

A moral também é uma questão de tempo.

Como os factos reais se esquecem, também alguns que nunca existiram podem estar nas recordações como se tivessem existido.

Sempre tinha julgado que morrer de amor não passava de uma liberdade poética. Naquela tarde, de regresso a casa outra vez sem o gato e sem ela, verifiquei que não só era possível morrer, mas que eu próprio, velho e sem ninguém, estava a morrer de amor. Mas também me apercebi de que era válida a verdade contrária: não teria trocado por nada do mundo as delícias do meu pesar.

O sangue circulava pelas suas veias com a fluidez de uma canção que se ramificava até aos pontos recônditos do seu corpo e voltava ao coração purificado pelo amor.

Parece-me contranatura que um homem se entenda melhor com o seu cão do que com a sua mulher, que o ensine a comer e a descomer às suas horas, a responder a perguntas e a partilhar as suas mágoas

Tomei consciência de que a força invencível que impulsionou o mundo não são os amores felizes, mas os contrariados.

A fama é uma senhora muito gorda que não dorme connosco, mas quando acordamos está sempre a olhar para nós em frente da cama.
www.topeneda.blogspot.pt                                                                                          Gabriel Garcia Márquez

A idade não é a que temos mas a que sentimos.

Os ciúmes sabem mais do que a verdade.

Não há pior desgraça do que morrer só.

É impossível não acabar sendo como os outros julgam que somos- Júlio Cezar.

Submited by

quarta-feira, novembro 28, 2012 - 20:48

Poesia :

No votes yet

topeneda

imagem de topeneda
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 49 semanas
Membro desde: 08/12/2011
Conteúdos:
Pontos: 4308

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of topeneda

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação George Orwell- 1984 0 5.678 04/05/2013 - 19:06 Português
Poesia/Meditação Nicolau Gogol- Diário de um Louco 0 5.930 04/01/2013 - 12:49 Português
Poesia/Meditação Aldous Huxley-Admirável Mundo Novo 0 5.830 04/01/2013 - 12:46 Português
Poesia/Meditação Sem Esquecer o País 2 4.052 04/01/2013 - 12:41 Português
Poesia/Meditação Richard Bach-Fernão Capelo Gaivota 0 7.103 03/24/2013 - 14:26 Português
Poesia/Meditação Sophia de Mello Breyner Andressen- A Menina do Mar 0 5.289 03/24/2013 - 14:21 Português
Poesia/Meditação Modelo Social de Iceberg 0 5.281 03/17/2013 - 12:11 Português
Poesia/Meditação Ernest Hemingway-O Velho e o Mar 0 4.903 03/17/2013 - 12:07 Português
Poesia/Meditação Edgar Allan Poe – Contos de Terror, Mistério e Morte 0 5.876 03/17/2013 - 12:05 Português
Poesia/Meditação Consciência de Força ( Dedicado à Manifestação) 0 4.634 03/03/2013 - 21:17 Português
Poesia/Meditação Milan Kundera - A Imortalidade 0 5.895 03/03/2013 - 15:48 Português
Poesia/Meditação José Rodrigues dos Santos - Fúria Divina (Perspetiva Ocidental) 0 5.622 02/27/2013 - 20:41 Português
Poesia/Meditação José Rodrigues dos Santos - Fúria Divina (Perspetiva Muçulmana) 0 5.936 02/27/2013 - 20:38 Português
Poesia/Meditação José Rodrigues dos Santos - Fúria Divina 0 4.722 02/27/2013 - 20:33 Português
Poesia/Meditação Joseph Conrad - O Coração das Trevas 0 7.508 02/24/2013 - 15:51 Português
Poesia/Meditação Gustave Flaubert- Madame Bovary 2 5.064 02/24/2013 - 15:48 Português
Poesia/Meditação Liev Tolstói - Guerra e Paz 2 7.038 02/20/2013 - 21:28 Português
Poesia/Meditação Anton Tchekhov - A Gaivota 0 5.703 02/13/2013 - 21:31 Português
Poesia/Meditação Sófocles - Rei Édipo 0 4.491 02/09/2013 - 12:57 Português
Poesia/Meditação Jean Paul Sartre- A Náusea 0 6.073 02/05/2013 - 23:40 Português
Poesia/Pensamentos Soren Kierkgaard - O Banquete 0 7.054 02/03/2013 - 14:11 Português
Poesia/Pensamentos Erasmo de Roterdão - Elogio da Loucura 0 5.284 01/28/2013 - 00:42 Português
Poesia/Pensamentos Nicolau Maquiavel- O Príncipe 3 5.210 01/23/2013 - 17:18 Português
Poesia/Pensamentos Thomas More - Utopia 0 4.837 01/23/2013 - 15:51 Português
Poesia/Pensamentos Antoine de Saint-Exupéry- O Principezinho 0 6.164 01/19/2013 - 15:37 Português