CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Tenho frio

“…tenho frio, tenho mesmo muito frio… sinto um arrepio dentro de mim que me faz encolher a alma… dobro-me sobre mim mesmo e procuro a razão do frio que sinto… sinto-me cheio de um vazio que se instala no meu cérebro e deste passa para o meu ser... sinto-me entorpecer e as pernas dobram-se e enregelam... o frio que sinto faz-me tremer… não vejo sol dentro de mim e a lua passou já muito ao largo e não deixou rastos... as estrelas estão longe e não me iluminam o suficiente para aquecer o meu coração... é tudo em vão... todo o esforço que faço para me manter à superfície ainda me magoa mais porque as forças me abandonam e o corpo rejeita energias que gasto nesta viagem... e é apenas a minha imagem... mas olho para lá e não vejo nada que me faça regressar... e desejo cada vez mais sair, fugir mesmo sem saber para onde ir… não é dilema não saber o que aí vem… sabe-se que se está a ir nessa direcção e deixamo-nos ir como folha perdida nas águas turbulentas de uma sarjeta suja de pó e vazia também de tudo... deito-me dentro de mim e adormeço no meu sonho sem dormir… é um sonho acordado de tão cansado que nem o sono sossega e não me dá trégua… tenho frio, tenho muito frio… sinto um arrepio de novo e mais uma vez me encolho e olho para dentro do copo que tenho na mão… é um copo vazio como eu e também está frio… peço a alguém que o encha de novo e dizem-me que não, que já bebi demasiado… mas eu sei que não, ainda consigo entender o que me é dito e porque razão ouço este imenso grito… tenho frio, tenho muito frio… saio num tropeço dum trôpego andar... passo pelo espelho e alguém do lado de lá olha para mim e sorri… é alguém que eu já conheci, alguém que já esteve aqui comigo, dentro de mim… nunca mais o vi… por onde andará?... no entanto, foi simpático, acompanhou-me até à saída… não o vi mais… não havia mais espelhos naquela sala daquele bar... abri a porta de par em par... respirei o ar frio da noite ainda mais quente do que o frio que eu sentia dentro de mim... olhei o mar que se estendia para lá daquelas escadas que desciam para ele, ele que me esperava depois do abismo… olhei-o e ele riu-se numa risada tremenda que me fez encolher e de novo ver que já nada estava ali a fazer... preciso de dormir, mas um sono que jamais termine… preciso de dormir e afinal o carro está ainda ali… é aquele preto… tem aros prateados nos faróis mas não tem luz, estão apagados como eu... a chave está na minha mão e abrir a porta não custa… já nada me assusta porque o frio me tira a percepção da realidade… tenho apenas uma vontade, dormir, deixar-me ir e não saber nem como nem para onde... tenho frio, tenho muito frio...”

Submited by

sexta-feira, abril 30, 2010 - 14:32

Prosas :

No votes yet

lobices

imagem de lobices
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 35 semanas
Membro desde: 08/11/2008
Conteúdos:
Pontos: 316

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of lobices

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Perfil 163 0 944 11/24/2010 - 21:48 Português
Fotos/ - 521 0 1.427 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - Amanhecer a leste do meu quintal 0 697 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - Candeeiro em vertigem de luz 0 844 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - Disneyland - subir o rio 0 1.158 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - O Jardim dos Sonhos - Disneyland 0 1.108 11/23/2010 - 23:35 Português
Fotos/ - O Palácio das Fadas - Disneyland 0 798 11/23/2010 - 23:35 Português
Prosas/Romance BUSCA 0 878 11/18/2010 - 23:08 Português
Prosas/Romance Tenho frio 0 995 11/18/2010 - 23:05 Português
Prosas/Romance Carta eterna 0 639 11/18/2010 - 22:57 Português
Prosas/Romance Carta 0 711 11/18/2010 - 22:47 Português
Prosas/Romance Tela 0 692 11/18/2010 - 22:45 Português
Prosas/Romance Parir 0 726 11/18/2010 - 22:45 Português
Prosas/Romance Ida 0 796 11/18/2010 - 22:45 Português
Prosas/Romance Binário 0 557 11/18/2010 - 22:45 Português
Prosas/Romance acordar 0 890 11/18/2010 - 22:45 Português
Prosas/Romance meu avô 0 739 11/18/2010 - 22:45 Português
Prosas/Romance subentender 0 752 11/18/2010 - 22:40 Português
Prosas/Romance a lenda do arvoredo castanho 0 673 11/18/2010 - 22:40 Português
Prosas/Romance terra 0 752 11/18/2010 - 22:40 Português
Prosas/Romance emoções 0 738 11/18/2010 - 22:40 Português
Prosas/Romance desenho 0 612 11/18/2010 - 22:40 Português
Prosas/Romance despido 0 725 11/18/2010 - 22:40 Português
Fotos/Natureza Rosa do meu quintal 1 862 09/07/2010 - 00:41 Português
Fotos/Natureza Rosas de Sintra 1 1.421 09/07/2010 - 00:27 Português