Doce inocência

É azul teu céu
doce teu lago
verde teu bosque
suave teu jeito

E apontas,
chamas para brincar,
sorris de forma espontânea,
amas sem impor condições

Rimas no verso,
remas de pedalinho no lago
respiras o aroma de flores
corres, caes e te levantas

És criança
Natureza viva
Essência da humanidade
Esperança por um mundo melhor.

AjAraújo, o poeta humanista, escrito em 1978.

Submited by

Tuesday, August 3, 2010 - 02:23

Poesia :

No votes yet

AjAraujo

AjAraujo's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 1 year 32 weeks ago
Joined: 10/29/2009
Posts:
Points: 15584

Comments

AjAraujo's picture

És criança Natureza

És criança
Natureza viva
Essência da humanidade
Esperança por um mundo melhor.

Add comment

Login to post comments

other contents of AjAraujo

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Intervention A uma mendiga ruiva (Charles Baudelaire) 0 4.181 07/03/2014 - 01:55 Portuguese
Poesia/Intervention Coração avariado 1 1.716 06/25/2014 - 02:09 Portuguese
Poesia/Fantasy Flores bonecas 2 1.590 06/24/2014 - 19:14 Portuguese
Poesia/Intervention Caminho de San Tiago 0 2.270 06/23/2014 - 23:31 Portuguese
Poesia/Sonnet Há em toda a beleza uma amargura (Walter Benjamin) 1 2.804 06/20/2014 - 20:04 Portuguese
Poesia/Sonnet Vibra o passado em tudo o que palpita (Walter Benjamin) 1 1.651 06/19/2014 - 22:27 Portuguese
Poesia/Meditation Sonhe (Clarice Lispector) 1 1.794 06/19/2014 - 22:00 Portuguese
Poesia/Intervention Dá-me a tua mão (Clarice Lispector) 0 1.740 06/19/2014 - 21:44 Portuguese
Poesia/Intervention Precisão (Clarice Lispector) 0 2.095 06/19/2014 - 21:35 Portuguese
Poesia/Meditation Pão dormido, choro contido 1 1.458 06/13/2014 - 03:02 Portuguese
Poesia/Fantasy A dívida 1 1.618 06/12/2014 - 03:52 Portuguese
Poesia/Intervention Eco das Ruas 1 1.097 06/12/2014 - 03:38 Portuguese
Poesia/Aphorism Maneiras de lutar (Rubén Vela) 2 1.536 06/11/2014 - 10:22 Portuguese
Poesia/Aphorism O médico cubano, o charuto e o arroto tupiniquim (cordel) 2 1.945 06/11/2014 - 10:19 Portuguese
Poesia/Intervention Espera... (Florbela Espanca) 0 1.285 03/06/2014 - 10:42 Portuguese
Poesia/Intervention Interrogação (Florbela Espanca) 0 1.267 03/06/2014 - 10:36 Portuguese
Poesia/Intervention Alma a sangrar (Florbela Espanca) 0 1.031 03/06/2014 - 10:32 Portuguese
Poesia/Sonnet Vê minha vida à luz da proteção (Walter Benjamin) 0 1.280 03/03/2014 - 12:16 Portuguese
Poesia/Dedicated Arte poética (Juan Gelman) 0 1.577 01/17/2014 - 22:32 Portuguese
Poesia/Dedicated A palavra em armas (Rubén Vela) 0 951 01/17/2014 - 22:01 Portuguese
Poesia/Fantasy A ÁRVORE DE NATAL NA CASA DE CRISTO (FIODOR DOSTOIÉVSKI) 0 780 12/20/2013 - 11:00 Portuguese
Poesia/Dedicated Aqueles olhos sábios 0 1.140 10/27/2013 - 20:47 Portuguese
Poesia/Thoughts Asteróides 0 997 10/27/2013 - 20:46 Portuguese
Poesia/Thoughts O que se re-funda não se finda 0 1.229 10/27/2013 - 20:44 Portuguese
Poesia/Intervention Para mim mesmo ergui…(Aleksander Pushkin) 0 1.480 10/15/2013 - 23:14 Portuguese