Surrealidades

Um espaço. Indefinido.
Uma cama. Ao acaso.
Ela, enrolada. Talvez nua.
Ele, aperaltado.
Como no dia do seu nascimento.
Um outro. Que a ela lhe era querido,
cúmplice do momento
aplainando terreno movediço.
Uma outra. Entrando no espaço interdito,
deixava peças de roupa nas molas de plástico,
Desajeitada. Pertinaz no acontecimento.
Um filme a ser rodado,
já nas cenas finais.
Encontros de para sempre.
Cumpria-se o destino.
E ela? Continuava deitada,
espantada de sua fortuna.
E veio ainda uma outra,
amiga de longa data,
dizer de sua justiça.
Tudo estado de graça.
Era a mudança da casa.
E ele? Apenas amava
a rainha do seu jogo preferido,
enquanto se calçava para fazer caminho…

Surrealidades.
Pegadas decalcadas no sonho.
Ténue a linha.
Sonhos. Realidades.
Desejos im-prováveis…

OF – 02-10-15 - Imagem em http://portate-mal.blogspot.pt/2015/12/surrealidades.html

Submited by

Domingo, Diciembre 13, 2015 - 19:07

Poesia :

Su voto: Nada (1 vote)

Odete Ferreira

Imagen de Odete Ferreira
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 1 año 4 semanas
Integró: 01/11/2011
Posts:
Points: 1924

Comentarios

Imagen de Joel

obrigado pela visita

obrigado pela visita

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Odete Ferreira

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Meditación Eis-te aí, TEMPO, num ano novo 2 1.343 01/06/2013 - 03:37 Portuguese
Prosas/Pensamientos O Primeiro... 0 817 01/02/2013 - 17:24 Portuguese
Poesia/Intervención O Natal do Amanhã 0 713 12/23/2012 - 18:23 Portuguese
Poesia/Meditación Estrelas 0 582 12/21/2012 - 22:59 Portuguese
Poesia/Tristeza Desculpa-me, criança do meu país 0 557 12/14/2012 - 02:53 Portuguese
Poesia/Meditación Apáticas Montanhas 0 480 12/12/2012 - 00:04 Portuguese
Videos/Poesía Pela calada da noite 0 2.049 11/29/2012 - 22:19 Portuguese
Fotos/Naturaleza Surreal I 2 1.146 11/20/2012 - 00:09 Portuguese
Fotos/Otros Surreal II 2 918 11/19/2012 - 23:46 Portuguese
Poesia/Tristeza Alma estupidamente doente 4 2.309 11/17/2012 - 20:10 Portuguese
Poesia/Amistad Fermento de palavras 4 638 11/15/2012 - 22:00 Portuguese
Prosas/Pensamientos Loucura em estado pensante 8 903 11/13/2012 - 23:54 Portuguese
Poesia/Meditación Inventor: milagre de criador 0 934 11/12/2012 - 20:04 Portuguese
Poesia/Pasión Amar o teu corpo de água 6 1.761 11/10/2012 - 22:12 Portuguese
Poesia/Tristeza Pobreza 2 540 11/06/2012 - 23:02 Portuguese
Poesia/Meditación Agosto de abalada 0 670 09/25/2012 - 22:17 Portuguese
Prosas/Otros Reciclar afetos 2 667 09/16/2012 - 18:07 Portuguese
Prosas/Lembranças Sabores locais de ambientes impressivos - III 0 1.102 09/10/2012 - 01:16 Portuguese
Prosas/Lembranças Sabores locais de ambientes impressivos - II 0 517 09/10/2012 - 01:07 Portuguese
Prosas/Lembranças Sabores locais de ambientes impressivos - I 0 710 09/10/2012 - 01:03 Portuguese
Prosas/Otros Precisavas que o dissesse 2 961 09/09/2012 - 18:11 Portuguese
Prosas/Tristeza Da derrota faça-se vitória... 2 1.261 08/21/2012 - 01:18 Portuguese
Poesia/Fantasía Em mim o espírito da floresta 2 696 07/20/2012 - 16:42 Portuguese
Prosas/Pensamientos Entre mundos, estamos. 2 1.269 07/15/2012 - 23:49 Portuguese
Prosas/Pensamientos Mãe, três letras, um mundo! 2 801 07/15/2012 - 18:27 Portuguese