Uma carta para alguém- 2º Momento

2º Momento

Dei por mim a observar, atenta e impaciente, um gato. Incorria na indecisão de me levantar do degrau da escada onde repousava aquecida pelo Sol para brincar ao mesmo jogo. Eu fazia de vento, que levava e trazia uma folha seca, e ele fazia de gato, que corria, trapalhão, na direcção do brinquedo. Interessante este jogo. Na verdade ele não precisava de mim, tinha o vento! Resolvi então, não me intrometer entre os dois e deixei-me ficar. Quando dei por mim tinha perdido uma grande parte da brincadeira, estava antes a pensar em como seria o resto do meu dia. Se bem me lembro fazia planos para não fazer nada! É tão bom estar livre por alguns momentos, não ter nada que nos preocupe, não ter compromissos… Eu estava assim nesse dia,
Despreocupada!

E a verdade é que não fiz nada, vagueei pelos meus pensamentos, jogando jogos com o meu gato apenas na minha imaginação. Não sou louca, sou antes criativa e um tanto de preguiçosa!
Isto tudo para te dizer que entendo bem a tua inércia temporária! Não entendo, contudo, a tua falta de habilidade na gestão dos teus anseios.
Mas escrevo-te por tantos outros motivos…
Aconselho-te a pedir tréguas ao teu eterno rival. Se tu te clamas, a Razão, o outro ocupa-se das emoções, e essas, tu não controlas com a mesma mestria. O dilema é sempre o mesmo no que diz respeito à importância dos dois conceitos… a Razão ou a Emoção? Tenta não eleger o que te veste melhor, mas o que julgas ser mais importante! Estar na moda é proveitoso se tiveres em conta a tua figura e a imagem que ambicionas dar. O ideal seria que trajássemos um pouco dos dois, como um fato feito por medida!
Mas escrevo-te por tantos outros motivos…
Desembaracei-me, finalmente, do que já não me serve. Tu! Estendi o meu corpo nas almofadas dispersas pelo chão e esvaziei uma caixa de recordações pensando na alegria de estar de novo livre. De olhos entreabertos foquei as fotografias, criteriosamente dispostas na parede rosada. Apesar de estares lá, eu sei que estás porque fui eu quem as colocou, eu já não te via. Aquele pedaço de parede vai ser sempre teu, apenas tomaste outra forma, a de uma recordação.
Mas escrevo-te por tantos outros motivos…

Submited by

Viernes, Octubre 16, 2009 - 20:50

Prosas :

Sin votos aún

MartaBaptista

Imagen de MartaBaptista
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 9 años 20 semanas
Integró: 07/05/2009
Posts:
Points: 219

Comentarios

Imagen de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Uma carta para alguém- 2º Momento

Gostei muito!

Um abraço.

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of MartaBaptista

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Videos/Perfil 591 0 605 11/24/2010 - 22:52 Portuguese
Videos/Perfil 590 0 597 11/24/2010 - 22:52 Portuguese
Fotos/Perfil 1411 0 1.133 11/24/2010 - 00:39 Portuguese
Prosas/Otros Crónica incompleta: A linha do Douro 0 453 11/18/2010 - 23:51 Portuguese
Poesia/General Eu sou feita também dos pássaros 5 479 03/18/2010 - 19:32 Portuguese
Poesia/General Eu estou aqui! 3 377 03/18/2010 - 19:12 Portuguese
Poesia/General A direcção do rio 5 356 03/14/2010 - 16:30 Portuguese
Poesia/General O farol 3 400 03/09/2010 - 02:42 Portuguese
Poesia/General O sonho 2 523 03/09/2010 - 02:37 Portuguese
Poesia/General Atenta 4 509 11/07/2009 - 20:50 Portuguese
Poesia/General As pedras 7 487 11/05/2009 - 22:08 Portuguese
Poesia/General És estátua 11 397 10/30/2009 - 23:25 Portuguese
Poesia/General A resposta 4 332 10/26/2009 - 00:50 Portuguese
Poesia/General O meu maestro 9 434 10/25/2009 - 16:52 Portuguese
Poesia/General A eternidade do tempo 7 484 10/24/2009 - 21:25 Portuguese
Poesia/General Um Propósito 4 343 10/20/2009 - 20:01 Portuguese
Poesia/General Paladar 11 462 10/19/2009 - 23:58 Portuguese
Prosas/Otros Uma carta para alguém- 2º Momento 1 394 10/19/2009 - 04:25 Portuguese
Poesia/Dedicada Dedicatória " O dessasombro" 7 579 10/18/2009 - 23:09 Portuguese
Poesia/General Poeta sem talento 6 406 10/17/2009 - 13:22 Portuguese
Poesia/General Hoje podia contar-te um segredo 8 392 10/16/2009 - 23:30 Portuguese
Prosas/Otros Uma carta para alguém - 1º momento 1 444 10/16/2009 - 15:55 Portuguese
Poesia/General A última viagem 3 476 10/16/2009 - 01:25 Portuguese
Poesia/General Ainda perto do Farol 2 329 10/15/2009 - 17:43 Portuguese
Poesia/General Não me culpes 3 456 10/15/2009 - 02:37 Portuguese