CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

BASTA DE GENTE A MORRER

BASTA DE GENTE A MORRER!
Hoje é o Dia da Mulher?
Inventam dias p’ra tudo...
Passo-o como outro qualquer.
Se não mudei... Já não mudo!
Escolhi um outro bom tema
para este meu poema...
..............................................
Não aceito qualquer dogma
onde a missão da Mulher,
no planeta em que vive,
seja a de ter de ceder
às ordens dum sectarista.
Mas não sou femininista!!!
Só defendo quem cultive
o que originar Amor,
sem ter homens a impor
aquilo que lhes convém.
Não somos seres de ninguém!
Somos donas de nós mesmas!
Amar é um dom que temos.
Sermos mães... é outro ainda.
Herdámos esse direito
duma fonte muito linda!
Temos, pois, o privilégio
de orgulhosamente dar
seres a um mundo imperfeito...
quantas vezes mal gerido
por humanos em cujo fundo
reside um ódio profundo...
Alguns, com iniquidade,
matam sem dó, nem piedade.
Não mereciam ter nascido.
Por isso maldigo o dia
de quem a Vida viola!
Seja Homem ou Mulher,
que trai, que mata e que esfola
ferido pelo que tiver
a corroer-lhe as entranhas...
acuso, com desencanto!
Alerto os maus governantes,
pela incúria dominados,
implorando reflexão.
Não podemos conviver
com a maldita incursão
de violência - dos dois lados!
.............................................
BASTA DE GENTE A MORRER,
E DE CRIMES MAL JULGADOS!

Maria Letr@

Submited by

domingo, março 10, 2019 - 11:27

Poesia :

No votes yet

Maria Letra

imagem de Maria Letra
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 semanas 3 dias
Membro desde: 11/20/2012
Conteúdos:
Pontos: 2223

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Maria Letra

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Poetrix SE TU AMAS A CRIANÇA 0 396 03/10/2019 - 11:34 Português
Poesia/Desilusão BASTA DE GENTE A MORRER 0 335 03/10/2019 - 11:27 Português
Poesia/Poetrix SOU CONTRA! 0 465 03/10/2019 - 11:10 Português
Poesia/Poetrix É TEMPO DE AGIR 0 966 03/08/2019 - 20:13 Português
Poesia/Geral SABER SPERIOR 0 356 03/08/2019 - 19:09 Português
Poesia/Geral MULHR_VOCÊ_É_DIVINA! 0 246 03/08/2019 - 18:32 Português
Poesia/Geral PARA ALÉM DO SUPORTÁVEL 0 385 02/27/2019 - 21:37 Português
Críticas/Outros BAILE DE MÁSCARAS PERMANENTE 0 742 02/25/2019 - 23:35 Português
Poesia/Poetrix PRAGA DE CHACAIS 0 381 02/25/2019 - 23:20 Português
Poesia/Soneto TERMOS ESTRAMBÓTICOS 0 629 02/24/2019 - 10:14 Português
Poesia/Soneto VALES PELO QUE TENS 0 412 02/24/2019 - 10:07 Português
Poesia/Geral VOOS ALTOS 0 507 02/24/2019 - 09:53 Português
Poesia/Meditação SEGUIREI... 0 1.095 12/31/2018 - 10:46 Português
Poesia/Amor TU VIVI IN ME - (Revizione della traduzione: Carla Ghezzo) 0 557 12/28/2018 - 15:22 Português
Poesia/Poetrix QUE FUTURO? 0 487 12/16/2018 - 05:14 Português
Poesia/Intervenção O QUE QUERO ESTE NATAL 0 604 12/15/2018 - 22:12 Português
Poesia/Intervenção QUERIA O NATAL ASSIM 0 489 12/15/2018 - 07:44 Português
Poesia/Geral CORAGEM DE SER 0 494 12/15/2018 - 07:39 Português
Poesia/Geral EXEMPLO DE UM TAUTOGRAMA 0 802 12/10/2018 - 21:39 Português
Poesia/Meditação O ALÉM E EU 0 606 12/10/2018 - 18:24 Português
Poesia/Geral NATUREZA EU TE VENERO 0 999 12/10/2018 - 16:49 Português
Poesia/Meditação LUTA CONTRA O TEMPO 0 459 12/03/2018 - 22:12 Português
Poesia/Poetrix PUNIÇÃO POR TRAIÇÃO... 0 764 11/30/2018 - 17:13 Português
Poesia/Poetrix UNIÃO PERFEITA 0 740 11/30/2018 - 16:43 Português
Poesia/Soneto DEIXA-ME VIVER, Ó VIDA! 0 1.472 11/30/2018 - 14:54 Português