CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Na Desistência Está A Virtude Quando Nada Vale A Pena

chegaste e eu nem sabia o nome,
não conhecia o perfume que
ardeu em mim, fiquei lume e
em lume ardi com o silêncio
da poesia a queimar-me os dedos e
as mãos e os braços e os pés e as pernas.
tu e a poesia, deixaram-me sozinho
deitado na penumbra da brisa noctívaga,
perdida com a ternura dos teus cabelos
a tocar-te nas costas, na pele macia como que a
areia das dunas e o vento brando.

uma cama nova e com tão pouco sono,
dormir sem sonhar a pensar em ti é
a falta de folhas e de tristeza no Outono.

os loucos queimam-se aos poucos e vivem demais
sentem demais e o demais é sempre muito e tu
fazes-me ser louco, viver muito e sentir muito
e isso é demais como os que se queimam aos poucos.
não vou chorar as lágrimas que não são precisas,
guardo a revolta para o tempo que trará
o arrependimento de ter sido quase um
herói por alguém que não me quis ver.

os vidros continuam estilhaçados, os pés que
outrora tinha, ficaram a sangrar sem mim.

não vou caminhar mais por caminhos desconhecidos.

Hugo Sousa

Submited by

sexta-feira, março 14, 2008 - 09:11

Poesia :

No votes yet

HugoSousa

imagem de HugoSousa
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 9 anos 28 semanas
Membro desde: 03/09/2008
Conteúdos:
Pontos: 243

Comentários

imagem de Henrique

Re: Na Desistência Está A Virtude Quando Nada Vale A Pena

Mais um texto com muita arte poética!!!

Muito bom…

:-)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of HugoSousa

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Fotos/ - Eu há uns bons aninhos. 0 723 11/24/2010 - 00:34 Português
Fotos/ - Outro eterno amor. 0 695 11/24/2010 - 00:34 Português
Fotos/ - 119 0 883 11/24/2010 - 00:34 Português
Fotos/ - 118 0 773 11/24/2010 - 00:34 Português
Fotos/ - 117 0 951 11/24/2010 - 00:34 Português
Prosas/Outros Árvore de Sanguessugas - III / Companhia de Sensações - I 0 436 11/18/2010 - 23:39 Português
Prosas/Outros Árvores de Sanguessugas - I 0 538 11/18/2010 - 23:39 Português
Poesia/Geral Não Sei, O Medo 0 569 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Geral Vou Continuar 0 661 11/17/2010 - 19:29 Português
Poesia/Geral Por Vezes Sim 1 350 02/25/2010 - 23:31 Português
Poesia/Geral Minha Mulher Morta (Tendência dos Três M's) 1 479 02/25/2010 - 23:30 Português
Prosas/Outros Hoje Não 1 583 02/24/2010 - 14:27 Português
Prosas/Outros Dói-lhe Os Dentes - Parte I 1 730 02/24/2010 - 14:26 Português
Prosas/Outros Dói-lhe Os Dentes - Parte II 1 557 02/24/2010 - 14:26 Português
Prosas/Outros Gostamos De Cerejas, Arranca-me Os Olhos 1 630 02/24/2010 - 14:22 Português
Prosas/Outros Mataram-me-te 1 788 02/24/2010 - 14:21 Português
Prosas/Outros Companhia de Sensações - II 1 417 02/24/2010 - 14:15 Português
Prosas/Outros Árvore de Sanguessugas - IV 1 638 02/24/2010 - 14:14 Português
Poesia/Geral Sonhos Altos 1 460 02/24/2010 - 02:54 Português
Poesia/Geral Nem No Cochão Existem Dias 1 406 02/24/2010 - 02:53 Português
Poesia/Geral Sopro 1 392 02/24/2010 - 02:53 Português
Poesia/Geral Anti 1 835 02/24/2010 - 02:49 Português
Poesia/Geral Resto 1 442 02/24/2010 - 02:48 Português
Poesia/Geral Morreu O Titulo 1 434 02/24/2010 - 02:47 Português
Poesia/Geral Na Desistência Está A Virtude Quando Nada Vale A Pena 1 451 02/24/2010 - 02:46 Português