CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

MEU QUASE ASSASSINATO

Uma noite, voltando a pé para casa, fui perseguido por um carro suspeito ao entrar na pequena rua onde moro com minha tia. Eu juro: escapei por triz de ser atropelado pelo jaguar lindão...
Eu sabia quem ia dirigindo, e sabia também que aquele cara não descansaria naquela noite enquanto não matasse alguém... Era a forma que ele encontrara de relaxar depois de um dia terrível na companhia onde era um dos figurões.
Quando o carro dobrou na esquina, eu não me contive e gritei:
 – Vai te foder, ô caralho!
Sorrindo, entrei em casa e passei pelo quarto da minha tia para ver se ela ainda estava acordada; queria contar para ela do apuro pelo qual eu acabara de passar...
 A velha dormia profundamente, parecia morta.
Fui à cozinha beber água e depois fui para o meu quarto. Me despi e deitei só de cueca.
Pensei no motorista bandido. Ele devia estar muito puto por não ter conseguido me pegar...
Então olhei para a minha estante. Poucos livros, todos lidos tantas vezes!
Me levantei e peguei um do Rubem Fonseca, meu autor preferido. Abri no conto Passeio Noturno e, de volta à cama, reli a historinha com a mesma empolgação de quando a vi pela primeira vez...
Meu quase assassino morava naquele conto...
Sorri feliz. E fechei o livro.

 

Submited by

terça-feira, setembro 13, 2011 - 03:50

Prosas :

Average: 5 (1 vote)

Hélio Sena

imagem de Hélio Sena
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 anos 25 semanas
Membro desde: 09/12/2011
Conteúdos:
Pontos: 64

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Hélio Sena

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Paixão POSSE 1 506 06/01/2016 - 12:07 Português
Prosas/Contos CONFUSÃO DE AMOR 2 406 05/24/2016 - 02:18 Português
Prosas/Contos CAMINHOS PERIGOSOS 2 634 05/20/2016 - 06:20 Português
Prosas/Contos A CRUZ 0 583 05/13/2016 - 12:25 Português
Prosas/Contos MINGAU PARA DOIS 0 461 05/12/2016 - 14:04 Português
Poesia/Geral CEIA 0 410 04/26/2016 - 15:15 Português
Poesia/Amor MARCA 0 349 04/26/2016 - 15:13 Português
Prosas/Contos COISAS DO OUTONO 0 1.409 09/21/2011 - 05:51 Português
Prosas/Outros A ÚLTIMA PALAVRA 0 529 09/18/2011 - 21:27 Português
Poesia/Geral INSÔNIA 1 537 09/17/2011 - 02:18 Português
Prosas/Contos A COR DA NOITE 0 708 09/16/2011 - 21:31 Português
Prosas/Contos O PECADO DE NOÉ 0 635 09/15/2011 - 04:08 Português
Prosas/Outros ONDE MORAM AS BORBOLETAS 0 1.763 09/15/2011 - 04:03 Português
Prosas/Contos LOS DIABITOS 0 938 09/14/2011 - 05:17 Português
Prosas/Contos À PROCURA DA FLOR 2 654 09/14/2011 - 05:09 Português
Prosas/Contos MEU QUASE ASSASSINATO 0 672 09/13/2011 - 03:50 Português
Prosas/Contos ANTES DA MEIA-NOITE 0 628 09/12/2011 - 05:37 Português