PERDA

Ah, como me dá saudade!
Lembranças, chuva de lágrimas
Nuvens de tempestade
Trazendo uma exurrada de lástimas

Tomaste de mim a a alegria
Levando-a consigo
Vai a paz como uma sangria
Parece um eterno castigo

A solidão como um peso enorme
Que minha alma oprime
Na certeza de que tu já dorme
O sono que não se extingue

Submited by

Sunday, May 15, 2016 - 22:05

Poesia :

No votes yet

Marcio de Assis

Marcio de Assis's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 5 years 12 weeks ago
Joined: 05/13/2016
Posts:
Points: 58

Add comment

Login to post comments

other contents of Marcio de Assis

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/General SE EU PUDESSE 2 1.761 03/06/2018 - 21:46 Portuguese
Poesia/General INSPIRAÇÃO 1 1.318 03/06/2018 - 21:45 Portuguese
Poesia/Love MINHA ESPOSA 0 1.447 05/17/2016 - 14:35 Portuguese
Prosas/Fábula O SÁBIO, O LOUCO E O TOLO 0 1.493 05/17/2016 - 04:07 Portuguese
Prosas/Contos SÓ SILVA 0 1.266 05/17/2016 - 03:19 Portuguese
Poesia/General CRÍTICA 0 1.312 05/17/2016 - 02:59 Portuguese
Poesia/General ESPERANÇA 2 1.711 05/16/2016 - 12:16 Portuguese
Poesia/General VERDADEIRO AMOR 0 1.481 05/15/2016 - 22:38 Portuguese
Poesia/General PERDA 0 1.386 05/15/2016 - 22:05 Portuguese
Poesia/General BUSCA 0 1.644 05/14/2016 - 19:02 Portuguese
Poesia/General O GRITO 1 1.408 05/13/2016 - 22:31 Portuguese
Poesia/General EXPRESSÕES 0 1.339 05/13/2016 - 20:43 Portuguese