CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Cruzeiro

As caninas estrofes avassalam-me;
Um cinzeiro devoto à maneira
De um judeu antigo da Galileia.
Procuro insessantemente o perdão
das formas geométricas que atraiçoei.
À mae natureza uma única palavra: compaixão.
Incompreensão também é pura
Análise tentativa ruptura
Das falas mansas com que me aqueci
E me vi cercado do fraternal
Maternal
Irreal
Mas sempre material
Imposto ao mundo moral
De tal forma a que neste sofá
Cedo enfim ao cansaço
Pretendo porém contrapor
Aos passos que ouço
Aos passos que não são meus
Aos passos avulsos que não levam a lado algum
Aos passos largos desajeitados
Aos passos curtos de quem tem medo
   Ou pernas curtas
Aos passos sem ritmo dos mancos
Aos passos que passam
Aos passos passados na cidade
Aos passos dos outros
A homenagem ao criador
Que é a coerência de estar sentado
Imóvel.

Submited by

sexta-feira, janeiro 4, 2013 - 01:45

Poesia :

No votes yet

infectofacto

imagem de infectofacto
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 48 semanas
Membro desde: 03/20/2012
Conteúdos:
Pontos: 172

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of infectofacto

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Quanto 0 256 05/14/2015 - 12:15 Português
Poesia/Geral desolação 0 263 08/17/2014 - 16:00 Português
Poesia/Canção Começar 2 596 06/13/2014 - 11:23 Português
Poesia/Geral Desacção 0 213 06/08/2013 - 14:19 Português
Poesia/Desilusão Saio de mim 0 287 01/21/2013 - 17:51 Português
Poesia/Geral Cruzeiro 0 344 01/04/2013 - 01:45 Português
Poesia/Geral Diálogo sem fim #3 0 298 10/09/2012 - 13:31 Português
Poesia/Geral Calafrio 0 362 08/30/2012 - 02:02 Português
Poesia/Geral Jazz 0 333 08/17/2012 - 01:02 Português
Poesia/Geral Navego 1 367 08/06/2012 - 01:09 Português
Poesia/Geral Sonhos 0 304 07/17/2012 - 10:43 Português
Poesia/Geral Iluminação 0 313 06/01/2012 - 04:10 Português
Poesia/Geral (Untitled) 2 423 05/25/2012 - 21:22 Português
Poesia/Geral Ladainha 3 492 05/21/2012 - 04:10 Português
Poesia/Geral Justificação da realidade 4 475 05/20/2012 - 17:53 Português
Poesia/Geral Os felizes 2 461 05/14/2012 - 18:50 Português
Poesia/Geral No escuro 2 479 04/28/2012 - 22:20 Português
Poesia/Geral A carne 0 373 04/25/2012 - 12:13 Português
Poesia/Geral Da procura 2 432 04/25/2012 - 03:51 Português
Poesia/Geral O meu amigo 2 380 04/24/2012 - 23:22 Português
Poesia/Geral Os alienados 3 535 04/21/2012 - 22:17 Português
Poesia/Geral deus 4 475 04/21/2012 - 02:19 Português
Poesia/Geral Estupefacção 3 503 04/19/2012 - 22:55 Português
Poesia/Geral (Untitled) 2 459 04/19/2012 - 02:26 Português
Poesia/Geral Ritmo 1 374 04/19/2012 - 02:12 Português