CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Música

Música

Há música quando queremos,
na presença ou na ausência,
dos seres que amamos.

Há música quando desejamos,
ter presente os sonhos roubados,
por seres de que gostamos.

Há música como entendemos,
evocando, pensativamente,
seres de que temos saudades.

Escutamo-la em silêncio
aquietados pelo sofrimento.
Saboreamos as palavras.
Bebemos a melodia.
Caímos embriagados.
Permanecemos em letargia.

Há música que é saudade!

Há letras e melodias
de tamanha profundidade
que nos conferem identidade.
Já não pertencem aos autores…
Perderam-se de amores…
Por quem as ama de verdade.

Há música que é saudade!

Há música que faz sufocar.
Abre feridas adormecidas.
Como demoraram a curar!

Há música que faz dançar,
um coração palpitante.
Há música que faz chorar,
qualquer olhar errante.

Há música quando queremos!
Há música porque nos perdemos,
por entre mundos de saudade!


OF 18-04-2010
 

Submited by

segunda-feira, janeiro 17, 2011 - 02:08

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Odete Ferreira

imagem de Odete Ferreira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 23 semanas 3 dias
Membro desde: 01/11/2011
Conteúdos:
Pontos: 1926

Comentários

imagem de Joel

Há música porque nos

Há música porque nos perdemos,

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odete Ferreira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Entardecer com sabor a despedida 1 1.134 03/15/2018 - 13:59 Português
Poesia/Tristeza Música 1 1.141 03/15/2018 - 13:58 Português
Poesia/Desilusão Apenas mais um dia 1 1.769 03/15/2018 - 13:57 Português
Poesia/Meditação Se a vida fosse sempre assim 1 1.240 03/15/2018 - 13:56 Português
Ministério da Poesia/Fantasia Seres incompletos 3 1.494 03/15/2018 - 13:56 Português
Prosas/Outros No sopé da montanha 1 641 03/08/2018 - 19:01 Português
Poesia/Meditação Tempo(s) 1 1.270 03/08/2018 - 18:43 Português
Poesia/Fantasia Surrealidades 1 1.122 03/08/2018 - 18:42 Português
Poesia/Tristeza Emocão 5 1.479 03/08/2018 - 16:48 Português
Poesia/Dedicado Mulher-Dor 3 574 03/08/2018 - 16:14 Português
Poesia/Intervenção E a festa veste-se em cada madrugada 3 1.154 02/27/2018 - 11:43 Português
Poesia/Meditação À míngua 0 1.115 12/30/2015 - 22:36 Português
Poesia/Intervenção Não invoquem o meu nome em vão 0 1.499 11/25/2015 - 02:18 Português
Prosas/Outros Da alma 0 679 09/01/2015 - 19:58 Português
Poesia/Fantasia Surreal XXVIII 0 1.014 09/01/2015 - 19:29 Português
Poesia/Intervenção Da destemperança 0 1.303 08/26/2015 - 01:35 Português
Poesia/Meditação E no entre-Tanto faço caminho 0 932 07/02/2015 - 23:55 Português
Poesia/Meditação E continuamos pequeninos! 0 1.328 06/02/2015 - 20:15 Português
Poesia/Intervenção Nem te renego nem me nego 0 1.360 04/25/2015 - 02:08 Português
Poesia/Dedicado Laudatória 0 830 03/24/2015 - 19:03 Português
Poesia/Dedicado És...Mulher 0 1.172 03/08/2015 - 18:53 Português
Poesia/Amor Vida(s) 0 1.121 02/14/2015 - 18:07 Português
Poesia/Amor Moras nos meus sonhos 0 1.451 02/13/2015 - 16:30 Português
Poesia/Dedicado Olhares 0 1.706 01/22/2015 - 01:58 Português
Prosas/Outros Do exato momento da VIragem 0 1.146 12/30/2014 - 14:27 Português