CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Tudo em mim,

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

Submited by

sexta-feira, fevereiro 25, 2022 - 17:25

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Joel

imagem de Joel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 dias 14 horas
Membro desde: 12/20/2009
Conteúdos:
Pontos: 41494

Comentários

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

imagem de Joel

Tudo em mim, é lento e

Tudo em mim, é lento e tardio
Por isso é bom que façamos
O que há a fazer,
E Já …

Alio ao gentil e brando,
Meio metro de força bruta,
Louca, que duvido tenha dentro,
(Por Ieramá)

De verdade nem um metro
Sinto, aí entro eu, no meio tempo,
Em hora de mola e ponta,
Muito mais em frente,

Junto os cotovelos em forma de aríete,
Brado e avanço de rojo
Para o oponente com parte touro,
Quanto serpente,

Mais perigosa a calmaria,
Que a afronta, Deus vive
E é imundo, eu parto quebrando
Quem se atravessa,

Que venha o bando,
A remessa de sabujos,
E o nojo que faz parte da orgia
De fazer parte,

Da infâmia, da calúnia,
Do engaço,
Sendo Deus virgem,
Não é deste mundo,

O arcanjo pra mim é o muro
E o silêncio me ensurdece,
Lamento muito, lamento
Muito, lamento muito …

Jorge Santos (Fevereiro 2022)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Joel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Geral Doa a quem doa, o doer … 0 21 11/20/2022 - 19:59 Português
Ministério da Poesia/Geral (Não hei, porque não tento) 0 12 11/20/2022 - 19:58 Português
Ministério da Poesia/Geral “Hannibal ad Portus” 0 13 11/20/2022 - 19:56 Português
Ministério da Poesia/Geral Maldade 0 10 11/20/2022 - 19:54 Português
Ministério da Poesia/Geral Do que eu sofro 0 7 11/20/2022 - 19:52 Português
Ministério da Poesia/Geral Do avesso 0 6 11/20/2022 - 19:50 Português
Ministério da Poesia/Geral Eis a Glande 0 10 11/20/2022 - 19:48 Português
Ministério da Poesia/Geral Incêndio é uma palavra galga 0 10 11/20/2022 - 19:47 Português
Ministério da Poesia/Geral Restolho Ardido… 0 8 11/20/2022 - 19:45 Português
Poesia/Geral “Mea Culpa” 0 16 11/20/2022 - 19:18 Português
Poesia/Geral Não entortem meu sorriso, 0 19 11/20/2022 - 19:16 Português
Poesia/Geral Meu mar eu sou 0 20 11/20/2022 - 19:15 Português
Poesia/Geral Espírito de andante ... 37 455 05/26/2022 - 15:07 Português
Poesia/Geral Feliz como poucos … 3 1.084 03/24/2022 - 12:15 Português
Poesia/Geral Nada, fora o novo ... 17 418 03/19/2022 - 20:01 Português
Poesia/Geral A tenaz negação do eu, 8 679 03/19/2022 - 19:58 Português
Poesia/Geral Nunca tive facilidade de 29 404 03/11/2022 - 17:20 Português
Poesia/Geral Tudo em mim, 13 344 02/25/2022 - 17:40 Português
Poesia/Geral E eu deixei meus olhos 12 490 02/25/2022 - 17:40 Português
Poesia/Geral Meu instinto é dado pelos dedos mindinhos 22 478 02/25/2022 - 17:39 Português
Ministério da Poesia/Geral Sem nada … 17 987 02/19/2022 - 15:18 Português
Poesia/Geral Até que mais seja 33 416 02/17/2022 - 10:28 Português
Poesia/Geral Send'a própria imagem minha, Continuo'a ser eu ess’outro … 18 317 01/21/2022 - 18:07 Português
Poesia/Geral Perfeitos no amor e no pranto … 46 360 01/20/2022 - 22:04 Português
Ministério da Poesia/Geral O facto de respirar … 43 652 01/19/2022 - 20:36 Português