CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

mais que a mim fiel

Dizem que finjo ou minto,
Tudo que escrevo,
Não, Eu simplesmente sinto,
Com a imaginação, Não uso o coração
nem lamento o que escrevo,(ou não)
Nem sinto,mais flores sair,
ilesas, desta mão por isso,
Desta raiva , do não sentir mais.

Sou mais fiel no dizer que a mim,
Dizem que finjo ou minto ,
no que risco ou imito,
Mas sinto um véu de purpura seda,
Que me cobre a razão,
E pelo sim pelo não
Escrevo no correr da mão,fiel ao prazer.

Jorge Santos

Submited by

domingo, dezembro 20, 2009 - 20:51

Ministério da Poesia :

Your rating: None Average: 5 (1 vote)

Joel

imagem de Joel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 dias 10 horas
Membro desde: 12/20/2009
Conteúdos:
Pontos: 40756

Comentários

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

E pelo sim pelo não Escrevo

E pelo sim pelo não
Escrevo no correr da mão

imagem de Joel

E pelo sim pelo não Escrevo

E pelo sim pelo não
Escrevo no correr da mão

imagem de Joel

E pelo sim pelo não Escrevo

E pelo sim pelo não
Escrevo no correr da mão

imagem de Joel

E pelo sim pelo não Escrevo

E pelo sim pelo não
Escrevo no correr da mão

imagem de Joel

Sou mais fiel no dizer que a mim,

Sou mais fiel no dizer que a mim,

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Joel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Geral Pangeia e a deriva continental 0 22 01/02/2021 - 18:34 Português
Ministério da Poesia/Geral A simbologia dos cimos 0 21 01/02/2021 - 18:23 Português
Ministério da Poesia/Geral Prefiro rosas púrpuras ... 0 12 01/02/2021 - 18:13 Português
Ministério da Poesia/Geral Por um ténue, pálido fio de tule 0 14 01/02/2021 - 17:59 Português
Ministério da Poesia/Geral Me perco em querer 0 12 01/02/2021 - 17:47 Português
Ministério da Poesia/Geral Epistemologia dos Sismos 0 14 01/02/2021 - 17:26 Português
Ministério da Poesia/Geral A sismologia nos símios 0 18 01/02/2021 - 17:11 Português
Poesia/Geral Não passo de um sonho vago, alheio 0 28 01/02/2021 - 16:48 Português
Poesia/Geral Cumpro com rigor a derrota 0 22 01/02/2021 - 16:23 Português
Poesia/Geral Perdida a humanidade em mim 0 31 01/02/2021 - 16:08 Português
Poesia/Geral Em pêlo e a galope... 7 168 11/27/2020 - 17:11 Português
Poesia/Geral Vencido 3 150 11/25/2020 - 18:26 Português
Poesia/Geral Esquecer é ser esquecido 0 240 09/28/2020 - 14:47 Português
Poesia/Geral Na minha terra não há terra, 0 633 06/02/2020 - 15:16 Português
Poesia/Geral A sucessão dos dias e a sede de voyeur ... 0 397 06/02/2020 - 15:09 Português
Poesia/Geral O Amor é uma nação em risco, 1 790 05/02/2020 - 23:37 Português
Ministério da Poesia/Geral Ninguém me distingue de quem sou eu ... 1 482 04/20/2020 - 22:34 Português
Ministério da Poesia/Geral A um Deus pouco divino … 1 642 04/19/2020 - 11:02 Português
Poesia/Geral “Hic sunt dracones”, A dor é tudo … 4 1.138 04/15/2020 - 15:25 Português
Poesia/Geral A Morte não é Bem-Vinda ... 2 714 04/15/2020 - 14:46 Português
Poesia/Geral Objectos próximos, 0 783 04/15/2020 - 11:06 Português
Poesia/Geral Daniel Faria, excerto “Do que era certo” 0 644 04/15/2020 - 10:58 Português
Ministério da Poesia/Geral O avesso do espelho... 5 537 03/01/2020 - 20:02 Português
Poesia/Geral A síndrome de Savanah 0 677 03/01/2020 - 19:26 Português
Ministério da Poesia/Geral O Estado da Dúvida 2 393 01/24/2020 - 20:05 Português