CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Maio, doce Maio

Maio, doce Maio

Foi um dia, treze no calendário
data de significado
escolhida por acaso…
Marcada na vida
de início de ciclos
de nascimento, em aquário
Enamoramentos de menina
de mulher casada.
Decifro sinais
tanto diurnos
como nocturnos
Tanto faz, são soturnos.
Enquadro-me em distâncias
celestiais
Irreais.
Detesto apeadeiros
Sujos de dejectos animais
Embrenho-me no obscuro
silêncio. Procuro-te em salas
ruidosas.
Distingo a tua voz adocicada,
com sabor a marmelada
feita no Outono da vida
em malgas esburacadas
preenchidas
e de papel vegetal revestidas.
Questiono outro papel,
outra função maternal
em outros dias, não a treze…
Maio, quinto mês no calendário
Nostalgia de época
em ecos de memória.
Maria, nome abençoado,
o meu, o da Virgem
quiçá o teu…
Versos soltos,
sem grande sentido.
Pego as pontas, com pontos
cosidos com linhas frágeis…
Assim me sinto e escrevo
arremessando pedras pelo caminho
como quando era menina.
Pego no cesto com comida,
Quentinha…
Estugando o passo miudinho
estendia a toalha ao avozinho.
Palpava silêncios de palavras,
sugava olhares de carinho..
Maio, doce Maio, meu hino…

OF 13-05-2011
 

Submited by

quinta-feira, julho 21, 2011 - 19:31

Poesia :

No votes yet

Odete Ferreira

imagem de Odete Ferreira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 3 semanas
Membro desde: 01/11/2011
Conteúdos:
Pontos: 1924

Comentários

imagem de Henrique

Maio, doce Maio

Entre o divino e um ser perdido, alma que se encontra em poesia!!!

 

Belo momento poético!!!

 

Beijinho Odete...

 

:-)

imagem de Odete Ferreira

Maio, doce Maio

Olá, Henrique, espero que estejas muito bem, agora já mais "repousado" com o livro editado :) :)

Há memórias que se entrosam em algo que gostava de encontrar...

Obg, bjo

:)

 

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odete Ferreira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Entardecer com sabor a despedida 1 1.562 03/15/2018 - 13:59 Português
Poesia/Tristeza Música 1 1.395 03/15/2018 - 13:58 Português
Poesia/Desilusão Apenas mais um dia 1 2.009 03/15/2018 - 13:57 Português
Poesia/Meditação Se a vida fosse sempre assim 1 1.454 03/15/2018 - 13:56 Português
Ministério da Poesia/Fantasia Seres incompletos 3 1.759 03/15/2018 - 13:56 Português
Prosas/Outros No sopé da montanha 1 863 03/08/2018 - 19:01 Português
Poesia/Meditação Tempo(s) 1 1.545 03/08/2018 - 18:43 Português
Poesia/Fantasia Surrealidades 1 1.332 03/08/2018 - 18:42 Português
Poesia/Tristeza Emocão 5 1.774 03/08/2018 - 16:48 Português
Poesia/Dedicado Mulher-Dor 3 979 03/08/2018 - 16:14 Português
Poesia/Intervenção E a festa veste-se em cada madrugada 3 1.605 02/27/2018 - 11:43 Português
Poesia/Meditação À míngua 0 1.420 12/30/2015 - 22:36 Português
Poesia/Intervenção Não invoquem o meu nome em vão 0 1.830 11/25/2015 - 02:18 Português
Prosas/Outros Da alma 0 887 09/01/2015 - 19:58 Português
Poesia/Fantasia Surreal XXVIII 0 1.305 09/01/2015 - 19:29 Português
Poesia/Intervenção Da destemperança 0 2.484 08/26/2015 - 01:35 Português
Poesia/Meditação E no entre-Tanto faço caminho 0 1.667 07/02/2015 - 23:55 Português
Poesia/Meditação E continuamos pequeninos! 0 2.278 06/02/2015 - 20:15 Português
Poesia/Intervenção Nem te renego nem me nego 0 2.037 04/25/2015 - 02:08 Português
Poesia/Dedicado Laudatória 0 1.096 03/24/2015 - 19:03 Português
Poesia/Dedicado És...Mulher 0 1.571 03/08/2015 - 18:53 Português
Poesia/Amor Vida(s) 0 1.440 02/14/2015 - 18:07 Português
Poesia/Amor Moras nos meus sonhos 0 1.635 02/13/2015 - 16:30 Português
Poesia/Dedicado Olhares 0 2.408 01/22/2015 - 01:58 Português
Prosas/Outros Do exato momento da VIragem 0 1.508 12/30/2014 - 14:27 Português