CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

MEU AMOR

Meu Amor

Disse-te um dia

Que em meu coração ateaste

Um fogo luminoso.

Apagado e triste o deixaste

Num sopro doloroso.

Não te afastes de mim

Deixa-me ser,

Do teu sol, o último raio

Deixa ser a tua flor de jasmim,

Florescida no mês de Maio

Meu amor

Quero ser o teu poente

O teu mistério ou segredo

O teu rio ou afluente

O teu clamor, o teu medo.

Meu amor

Deixa-me ser

o cansaço onde adormeces

O teu júbilo ou pesar

O sonho onde tudo esqueces

E só lembras de me amar.

 

Meu amor

Deixa que seja

O rítmo do teu viver

Tudo o que o teu corpo deseja

Deixa-me amar-te enquanto o

coração bater.

natalia nuno

rosafogo

 

Submited by

terça-feira, março 27, 2012 - 20:03

Poesia :

Your rating: None (3 votes)

natalianuno

imagem de natalianuno
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 semanas 5 dias
Membro desde: 12/17/2009
Conteúdos:
Pontos: 697

Comentários

imagem de natalianuno

Obrigada Henrique

Volto de novo a publicar aqui e queria agradecer-lhe
por me ler e comentar.

Bom ano 2013.
Abraço.

imagem de Nuno Lago

MEU AMOR

Um belo poema, onde tu estás retratada com transparência! Sentimental e muito afectiva. Gostei, Natalianuno.
Beijo
Nuno

imagem de natalianuno

agradecimento

Obrigada Nuno, há algum tempo que não vinha aqui, daí o meu atraso
no agradecer-te.

beijo

imagem de natalianuno

Amor maduro

Um amor amadurecido sem dúvida, tem que se viver um grande amor
para se morrer completo.

Obrigada Abílio
meu abraço

imagem de Henricabilio

amor

A revelação de um amor
forte e determinado
que merece o calor
de um comentário.

Saudações

Abilio

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of natalianuno

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão DESTINO 4 504 01/09/2011 - 14:31 Português
Poesia/Alegria DESCALÇA PELA VERDURA 4 615 01/09/2011 - 14:28 Português
Poesia/Geral SONHO 2 390 01/08/2011 - 19:45 Português
Poesia/Desilusão NAS ÁGUAS ME VOU DEIXANDO 6 602 01/08/2011 - 19:37 Português
Poesia/Tristeza NASCEU UM POEMA 6 332 01/08/2011 - 01:13 Português
Poesia/Desilusão JÁ NÃO CHORAM OS MEUS OLHOS 2 412 01/07/2011 - 21:37 Português
Poesia/Amor FALA-ME ASSIM DEVAGAR 2 454 01/07/2011 - 21:32 Português
Poesia/Tristeza UM DIA POR TARDAR 8 646 01/07/2011 - 19:57 Português
Poesia/Desilusão DESILUSÃO 6 659 01/07/2011 - 19:53 Português
Poesia/Desilusão HORIZONTE 4 291 01/06/2011 - 20:35 Português
Poesia/Soneto ENTREGA 6 602 01/06/2011 - 20:29 Português
Poesia/Tristeza HOJE ME SINTO A MORRER 6 592 01/06/2011 - 19:22 Português
Poesia/Desilusão DECLINAR DO DIA 4 479 01/06/2011 - 16:08 Português
Poesia/Geral TUDO QUE DEUS ME DEU 4 365 01/05/2011 - 12:02 Português
Poesia/Tristeza NA VESPERA DE UM OUTRO DIA 2 505 01/04/2011 - 12:39 Português
Poesia/Tristeza MEU PENSAMENTO 2 452 01/04/2011 - 00:00 Português
Poesia/Tristeza SUBÚRBIO DA SAUDADE 2 404 01/03/2011 - 19:43 Português
Poesia/Desilusão PÉTALAS PERDIDAS 6 519 01/03/2011 - 19:40 Português
Poesia/Desilusão ENTRE O CÉU E A TERRA 0 320 01/03/2011 - 12:30 Português
Poesia/Soneto BALADA DA NOSTALGIA 4 569 01/03/2011 - 12:24 Português
Poesia/Geral NA MOLDURA DO SOL POSTO 2 708 01/03/2011 - 12:11 Português
Poesia/Alegria LEMBRANÇA DE MENINA 0 383 01/02/2011 - 22:23 Português
Poesia/Desilusão O POETA QUE VIVE EM MIM 2 485 01/02/2011 - 22:14 Português
Poesia/Dedicado O LIVRO DA VIDA 2 386 01/02/2011 - 22:11 Português
Poesia/Geral NÂO OLHES MAIS O RETRATO 2 482 01/02/2011 - 22:08 Português