CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O tempo e o vento

Disse o futuro ao passado: "Por onde tens tu andado?"
"Tenho estado aqui" – respondeu – "tenho estado ali.
Estou de fora a olhar para dentro e tenho divagado:
O que há entre tu e mim que me afasta tanto de ti?"

"Sinto que falo aos ventos; em esquecimento caí.
Todos os meus avisos têm sido amiúde ignorados."
"Já eu ando muito esquecido, eu que mil glórias vivi!
Meu precioso legado também foi, pelos ventos, levado."

"Este que está entre nós, que molda o aqui e o ali,
tem sido assaz negligente e, assim, tem nos massacrado."
"Pois é: com este que é o presente, também eu me desentendi."

"Também não tenho tido sorte, apesar de ser sempre lembrado."
"Devemos bradar num só tempo: 'Existirei!' e 'Existi!'
Tu, que herdas, e eu, que cedo, seremos, assim, relembrados."

Submited by

terça-feira, fevereiro 19, 2013 - 20:48

Poesia :

Your rating: None (5 votes)

MaynardoAlves

imagem de MaynardoAlves
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 semanas 6 dias
Membro desde: 05/02/2010
Conteúdos:
Pontos: 597

Comentários

imagem de MaynardoAlves

O tempo e vento

Diálogo entre o passado e o futuro demonstrando a importância de, no presente, aprendermos com um para que, agora, não semeemos sofrimento a ser colhido no outro.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of MaynardoAlves

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Aforismo O vinhedo universal 1 480 02/06/2020 - 14:39 Português
Poesia/Meditação Metamorfose filosófica: bênção ou maldição? 1 493 12/03/2018 - 16:23 Português
Poesia/Intervenção Aos vivos que ficam ou Epitáfio II 1 589 10/09/2018 - 13:41 Português
Poesia/Geral Meu pequeno depoimento em prol do ateísmo 0 564 09/26/2018 - 01:17 Português
Poesia/Geral Revolucionário... revolucionário!? 1 538 09/25/2018 - 18:12 Português
Prosas/Outros Meu pequeno depoimento em prol do ateísmo 0 633 09/19/2018 - 20:13 Português
Poesia/Meditação O legado de um filósofo 1 501 09/17/2018 - 20:45 Português
Poesia/Intervenção Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos) 1 713 08/29/2018 - 00:53 Português
Poesia/Fantasia O jardim de Epicuro 1 704 08/22/2018 - 17:14 Português
Poesia/Tristeza Em (des)construção 1 612 08/10/2018 - 15:46 Português
Poesia/Tristeza Máquina do tempo 1 648 08/08/2018 - 17:28 Português
Poesia/Tristeza Valores familiares 1 714 08/08/2018 - 17:21 Português
Poesia/Pensamentos Um lugar para chamar de seu 1 682 08/08/2018 - 17:14 Português
Poesia/Meditação Humilde-se! 1 669 05/21/2018 - 12:41 Português
Poesia/Tristeza Um inferno (para um poeta) 1 823 05/21/2018 - 12:34 Português
Prosas/Outros Onde? 2 625 03/08/2018 - 18:41 Português
Poesia/Comédia Meu amigo ócio 4 668 03/06/2018 - 16:20 Português
Poesia/Geral Promessas para uma vida nova 2 821 03/05/2018 - 21:09 Português
Poesia/Meditação Se Deus existisse... 4 729 03/05/2018 - 20:56 Português
Poesia/Intervenção Onde? 18 977 01/03/2018 - 19:28 Português
Poesia/Meditação Um instante infinito 1 772 11/17/2017 - 15:00 Português
Poesia/Desilusão Ainda no exílio (desde os dias de Gonçalves Dias) 1 753 11/08/2017 - 12:38 Português
Poesia/Canção Sem título (por luto) 1 733 10/27/2017 - 15:34 Português
Poesia/Geral Mensagem 1 775 03/27/2017 - 14:50 Português
Poesia/Aforismo O exagero de Sócrates 0 589 10/14/2016 - 20:50 Português