CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos)

Os novos "mandamentos":

- Não faça aos outros o que não quer que façam com você.
- Em todas as coisas, não provoque o mal.
- Trate os outros seres humanos,
as outras criaturas e o mundo em geral com amor,
honestidade, fidelidade e respeito.
- Não tolere nem ignore o mal, nem evite administrar a justiça.
- Viva a vida com um sentimento de alegria e deslumbramento.
- Não deixe morrer a criança que vive em você.
- Sempre tente aprender algo novo.
- Ponha todas as coisas à prova;
compare suas ideias com os fatos,
e esteja disposto a descartar mesmo a crença mais cara,
se ela não se adequar a eles.
- Jamais se autocensure ou fuja da dissidência;
sempre respeite o direito de os outros discordarem de você.
- Crie opiniões independentes
com base em seu próprio raciocínio e em sua experiência;
não se permita ser dirigido pelos outros.
- Questione tudo sempre.
- Aproveite a sua vida amorosa e sexual
(desde que ela não prejudique outras pessoas).
- Deixe que os outros também aproveitem a vida deles em particular,
sejam quais forem suas inclinações - que não lhe interessam.
- Não discrimine nem oprima com base no sexo, na cor, na espécie,
nem com base em qualquer outro critério.
- Não doutrine seus filhos: ensine-os;
ensine-os a pensar por eles mesmos,
a avaliar as provas e a discordar de você.
- Leve em consideração um futuro
numa escala de tempo maior que a sua.
- Inicie, pelo menos uma vez na vida,
algo maior do que você.

Submited by

quarta-feira, agosto 29, 2018 - 00:51

Poesia :

Your rating: None (6 votes)

MaynardoAlves

imagem de MaynardoAlves
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 13 horas 23 minutos
Membro desde: 05/02/2010
Conteúdos:
Pontos: 566

Comentários

imagem de MaynardoAlves

Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos)

Tratam-se de novos "mandamentos", conselhos meus para o que, a meu ver, seria parte de uma receita para uma vida melhor.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of MaynardoAlves

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Prosas/Outros Meu pequeno depoimento em prol do ateísmo 0 9 09/19/2018 - 20:13 Português
Poesia/Meditação O legado de um filósofo 1 18 09/17/2018 - 20:45 Português
Poesia/Intervenção Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos) 1 47 08/29/2018 - 00:53 Português
Poesia/Fantasia O jardim de Epicuro 1 67 08/22/2018 - 17:14 Português
Poesia/Tristeza Em (des)construção 1 67 08/10/2018 - 15:46 Português
Poesia/Tristeza Máquina do tempo 1 69 08/08/2018 - 17:28 Português
Poesia/Tristeza Valores familiares 1 65 08/08/2018 - 17:21 Português
Poesia/Pensamentos Um lugar para chamar de seu 1 81 08/08/2018 - 17:14 Português
Poesia/Meditação Humilde-se! 1 194 05/21/2018 - 12:41 Português
Poesia/Tristeza Um inferno (para um poeta) 1 221 05/21/2018 - 12:34 Português
Prosas/Outros Onde? 2 193 03/08/2018 - 18:41 Português
Poesia/Comédia Meu amigo ócio 4 210 03/06/2018 - 16:20 Português
Poesia/Geral Promessas para uma vida nova 2 229 03/05/2018 - 21:09 Português
Poesia/Meditação Se Deus existisse... 4 226 03/05/2018 - 20:56 Português
Poesia/Intervenção Onde? 18 327 01/03/2018 - 19:28 Português
Poesia/Meditação Um instante infinito 1 282 11/17/2017 - 15:00 Português
Poesia/Desilusão Ainda no exílio (desde os dias de Gonçalves Dias) 1 300 11/08/2017 - 12:38 Português
Poesia/Canção Sem título (por luto) 1 300 10/27/2017 - 15:34 Português
Poesia/Geral Mensagem 1 295 03/27/2017 - 14:50 Português
Poesia/Aforismo O exagero de Sócrates 0 238 10/14/2016 - 20:50 Português
Poesia/Aforismo A mais importante das leis 0 279 10/14/2016 - 20:45 Português
Poesia/Meditação Evolução? 2 330 10/12/2016 - 13:34 Português
Poesia/Tristeza O desilusionista 1 353 10/11/2016 - 15:17 Português
Poesia/Pensamentos O cínico 1 368 10/10/2016 - 20:30 Português
Prosas/Ficção Cientifica Um fascinante trecho do livro “Fahrenheit 451” (de 1953) - do escritor Ray Bradbury 1 2.288 09/29/2016 - 17:40 Português