Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos)

Os novos "mandamentos":

- Não faça aos outros o que não quer que façam com você.
- Em todas as coisas, não provoque o mal.
- Trate os outros seres humanos,
as outras criaturas e o mundo em geral com amor,
honestidade, fidelidade e respeito.
- Não tolere nem ignore o mal, nem evite administrar a justiça.
- Viva a vida com um sentimento de alegria e deslumbramento.
- Não deixe morrer a criança que vive em você.
- Sempre tente aprender algo novo.
- Ponha todas as coisas à prova;
compare suas ideias com os fatos,
e esteja disposto a descartar mesmo a crença mais cara,
se ela não se adequar a eles.
- Jamais se autocensure ou fuja da dissidência;
sempre respeite o direito de os outros discordarem de você.
- Crie opiniões independentes
com base em seu próprio raciocínio e em sua experiência;
não se permita ser dirigido pelos outros.
- Questione tudo sempre.
- Aproveite a sua vida amorosa e sexual
(desde que ela não prejudique outras pessoas).
- Deixe que os outros também aproveitem a vida deles em particular,
sejam quais forem suas inclinações - que não lhe interessam.
- Não discrimine nem oprima com base no sexo, na cor, na espécie,
nem com base em qualquer outro critério.
- Não doutrine seus filhos: ensine-os;
ensine-os a pensar por eles mesmos,
a avaliar as provas e a discordar de você.
- Leve em consideração um futuro
numa escala de tempo maior que a sua.
- Inicie, pelo menos uma vez na vida,
algo maior do que você.

Submited by

Tuesday, August 28, 2018 - 23:51

Poesia :

Your rating: None (6 votes)

MaynardoAlves

MaynardoAlves's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 9 weeks 19 hours ago
Joined: 05/02/2010
Posts:
Points: 591

Comments

MaynardoAlves's picture

Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos)

Tratam-se de novos "mandamentos", conselhos meus para o que, a meu ver, seria parte de uma receita para uma vida melhor.

Add comment

Login to post comments

other contents of MaynardoAlves

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Meditation Metamorfose filosófica: bênção ou maldição? 1 111 12/03/2018 - 15:23 Portuguese
Poesia/Intervention Aos vivos que ficam ou Epitáfio II 1 231 10/09/2018 - 12:41 Portuguese
Poesia/General Meu pequeno depoimento em prol do ateísmo 0 253 09/26/2018 - 00:17 Portuguese
Poesia/General Revolucionário... revolucionário!? 1 178 09/25/2018 - 17:12 Portuguese
Prosas/Others Meu pequeno depoimento em prol do ateísmo 0 196 09/19/2018 - 19:13 Portuguese
Poesia/Meditation O legado de um filósofo 1 202 09/17/2018 - 19:45 Portuguese
Poesia/Intervention Os novos mandamentos (ou melhor, conselhos) 1 201 08/28/2018 - 23:53 Portuguese
Poesia/Fantasy O jardim de Epicuro 1 219 08/22/2018 - 16:14 Portuguese
Poesia/Sadness Em (des)construção 1 204 08/10/2018 - 14:46 Portuguese
Poesia/Sadness Máquina do tempo 1 216 08/08/2018 - 16:28 Portuguese
Poesia/Sadness Valores familiares 1 234 08/08/2018 - 16:21 Portuguese
Poesia/Thoughts Um lugar para chamar de seu 1 280 08/08/2018 - 16:14 Portuguese
Poesia/Meditation Humilde-se! 1 318 05/21/2018 - 11:41 Portuguese
Poesia/Sadness Um inferno (para um poeta) 1 383 05/21/2018 - 11:34 Portuguese
Prosas/Others Onde? 2 299 03/08/2018 - 17:41 Portuguese
Poesia/Comedy Meu amigo ócio 4 298 03/06/2018 - 15:20 Portuguese
Poesia/General Promessas para uma vida nova 2 358 03/05/2018 - 20:09 Portuguese
Poesia/Meditation Se Deus existisse... 4 348 03/05/2018 - 19:56 Portuguese
Poesia/Intervention Onde? 18 491 01/03/2018 - 18:28 Portuguese
Poesia/Meditation Um instante infinito 1 412 11/17/2017 - 14:00 Portuguese
Poesia/Disillusion Ainda no exílio (desde os dias de Gonçalves Dias) 1 385 11/08/2017 - 11:38 Portuguese
Poesia/Song Sem título (por luto) 1 393 10/27/2017 - 14:34 Portuguese
Poesia/General Mensagem 1 378 03/27/2017 - 13:50 Portuguese
Poesia/Aphorism O exagero de Sócrates 0 325 10/14/2016 - 19:50 Portuguese
Poesia/Aphorism A mais importante das leis 0 422 10/14/2016 - 19:45 Portuguese