CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

PEÇO PERDÃO

Peço perdão!...

Pelos cânticos defraudados
que nunca chegaram a ser a música dos sentidos;

Pelos sorrisos que despertei
para deixar consumir em sonhos sobressaltados;

Pelas sementes que agitei ao vento
e nunca cheguei a lançar na terra ávida;

Pelas palavras que bordei à toa
e que sairam mortas da boca para fora...

Há sempre perdão a pedir
quando se abre o peito aos fantasmas!...

O passado não perdoa
e persegue aqueles tentam moldar conveniências.

Posso enganar toda a gente e viver uma farsa
e no entanto não consigo iludir a minha consciência.

A verdade hasteia uma bandeira única
e é com ela que tenho de viver.

Peço perdão – nada mais justo! -
pelas pedras avulsas que espalhei pelo caminho!

18.04.2009, Henricabilio

Submited by

quarta-feira, maio 30, 2012 - 23:15

Poesia :

Your rating: None (2 votes)

Henricabilio

imagem de Henricabilio
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 9 semanas
Membro desde: 03/15/2012
Conteúdos:
Pontos: 1480

Comentários

imagem de juliabarbosa

Peço Perdão

Caro Henri, se me permite,

Gostei deste seu poema (o único que li ainda). Na vida há sempre perdão a pedir...embora penso que quando se pede perdão; e esta palavra é muito forte; é porque magoamos o outro profundamente e propositadamente ou então por ignorância. Relativamente ao 2º caso é mais grave (penso eu) porque não temos a noção que o fizemos. Quando é com intenção é porque tivemos um motivo qualquer e o tempo sara tudo, isto é, se somos pessoas sadias ou seja acabamos por compreender que ninguém é perfeito e somos perdoados e perdoamos.

Na maioria das vezes ofendemos os outros por ignorância e por falta de maturidade e aqui depende do grau da ofensa. Se for grave dificilmente nos perdoam mas se for coisa pequena penso que com o tempo tudo é esquecido.

imagem de Henricabilio

Nesta vida não existem

Nesta vida não existem inocentes pois toda a gente
errou, erra e errará.
A questão principal prende-se com o facto de aceitarmos isso,
e aquando do erro alheio tentarmos colocarmos da pele da
outra personagem - será que não faríamos igual ou pior?!...

Sem perdão a vida vai-se eternizando na dor coletiva,
por mais que o erro seja individual; tem de existir sempre
alguém que dê a face e o braço a torcer - se é que assim
se pode dizer em relação ao ato de perdoar.

Grato pela presença!

Abilio

imagem de topeneda

Imperdoável é...

não te enviar um abraço.
...abraço amigo!

imagem de Teresa Almeida

Palavras que não são

Palavras que não são avulsas.
A verdade é a bandeira!
Gostei muito Abílio.

Beijinhos.

imagem de Maria João Brito de Sousa

Gostei muito!

Um poema esteticamente equilibrado de que muito gostei, Henricabilio.
Talvez este não seja o melhor local para uma interpretação tão subjectiva, mas... esse perdão que se pede com sinceridade, não parece impedi-lo de espalhar mais algumas "pedras avulsas", se a consciência - essa que tem uma força imensa! - assim o ditar. Talvez seja uma leitura errada, mas é a minha leitura. Comigo seria assim...

Um abraço!

imagem de Henricabilio

erros

Existem sempre pensamentos, atos e pedras
que nos levam em perdas - não somos perfeitos.
Importa sim, aprender com os erros:
os nossos e os alheios.

Saudações!

Abilio

imagem de Jokalink

Magnífico!

Muito bom amigo Abilio!

A consciência a falar mais alto, coisa rara hoje em dia, alidada ao pedido de perdão! sublime!

Pena é, tantas, ficarem adormecidas, esquecidas nos tempos...

Esquecidas dos tempos de insatisfação... da agressão...

Um grande abraço.
J.S.

imagem de Henricabilio

ter a humildade de pedir

ter a humildade de pedir perdão
poderá ser um ato de coragem.
quen sabe?!

Saudações!

Abilio

imagem de GIL60

Saber perdoar é uma virtude,

Saber perdoar é uma virtude, amigo Abílio.

Gostei de ler-te

Abraço forte!

imagem de Henricabilio

perdão

Perdoar para ser perdoado.

No perdão
a chave da salvação.

Grato pela presença!!

_Abilio

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henricabilio

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Nem sempre existe Poesia em ti... 25 1.324 12/13/2019 - 16:57 Português
Poesia/Dedicado DEDICATÓRIA: TU QUE VIAJAS COMIGO. 4 633 02/27/2018 - 11:42 Português
Poesia/Desilusão Pesadelo número três 1 639 06/04/2013 - 10:50 Português
Poesia/Fantasia POEMA ESCRITO ENQUANTO DORMIA 3 768 03/25/2013 - 22:49 Português
Poesia/Pensamentos criArte: Autores versus Leitores 1 766 02/07/2013 - 02:49 Português
Poesia/Intervenção Ou você se cala oh você se - ode 4 656 01/28/2013 - 20:10 Português
Poesia/Meditação Uma árvore tem sempre esperança 1 688 12/09/2012 - 17:19 Português
Poesia/Meditação Absurdos existenciAis 3 950 11/30/2012 - 00:11 Português
Poesia/Intervenção Poema por linhas tortas 3 929 11/21/2012 - 15:38 Português
Prosas/Ficção Cientifica CONTACTO ALIENÍGENA - No tempo em que os homens falavam 6 1.912 11/16/2012 - 18:03 Português
Prosas/Ficção Cientifica CONTACTO ALIENÍGENA - A MORTE QUE VEIO DO ESPAÇO 1 883 11/08/2012 - 21:08 Português
Poesia/Meditação Testamento poÉtico 2 693 10/13/2012 - 23:40 Português
Poesia/Amizade Dar à palavra o sentimento 3 581 09/25/2012 - 21:14 Português
Poesia/Alegria À pedra no meio do caminho 6 737 09/16/2012 - 18:28 Português
Poesia/Meditação Poema Big Bang 3 1.661 08/21/2012 - 23:29 Português
Prosas/Ficção Cientifica CONTACTO ALIENÍGENA - AOS OLHOS DE QUEM VÊ... 3 4.440 08/11/2012 - 23:40 Português
Prosas/Ficção Cientifica CONTACTO ALIENÍGENA - A GAIOLA 2 3.975 08/11/2012 - 23:20 Português
Ministério da Poesia/Geral VAMOS FAZER UM HAIKAI?!... 5 900 08/11/2012 - 23:16 Português
Poesia/Poetrix 7 jogos de palavras em 7 poetrix 8 1.015 07/16/2012 - 09:47 Português
Prosas/Mistério COM UM ÚNICO TIRO... (Microconto) 5 702 07/08/2012 - 01:04 Português
Poesia/Alegria Um poema breve, muito breve 15 917 07/05/2012 - 23:28 Português
Poesia/Meditação PEÇO PERDÃO 12 787 06/23/2012 - 17:36 Português
Poesia/Meditação Novo Poema ao Espelho|ohlepsE 4 857 06/22/2012 - 22:04 Português
Poesia/Geral Criatividade versus censura 8 896 06/10/2012 - 23:10 Português
Ministério da Poesia/Meditação As nascentes das ideias 5 867 05/28/2012 - 22:51 Português