CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Todo o espaço é um não tempo

Há tempo perdido?
Como sabê-lo se os instantes
não têm o mínimo interesse em avaliar?
Procura a cadeira do analista
e desinteressada questiona.
Talvez percebas num relance de olhar
que a pergunta soa descabida.

Na verdade todo o espaço é um não tempo.
Foi apenas questão de investimento
para tu  e outros viajarem no recollhimento
dos instantes gravados de um tempo indiferente.

É cómoda a chaise longue.
Permaneces inerte. Relaxas.
Vozes, sons, música de mar.
Entras na viagem
de um sentir infinito, colorido…
Há flores nas ondas semeadas
e todos o pássaros
ousaram aventurar-se
e vieram soltar-se
(talvez queiam libertar-se
do espaço delimitado
por alguns deuses menores)
         …
Tempo perdido?
Quiçá invertido
no julgamento alheio…
Deixa-te estar…
É tão bom mergulhar
num sol soalheiro…

OF – 28-03-14
Imagem em http://portate-mal.blogspot.pt/

Submited by

sábado, maio 24, 2014 - 23:23

Poesia :

No votes yet

Odete Ferreira

imagem de Odete Ferreira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 42 semanas 8 horas
Membro desde: 01/11/2011
Conteúdos:
Pontos: 1926

Comentários

imagem de deborabenvenuti

Todo o espaço é um não tempo

O tempo por si só não existe. Fazemos o tempo de acordo com a nossa conveniência.
Abraços

imagem de Odete Ferreira

Para deborabenvenuti

Obg pela pela leitura e comentário...

O tempo é, talvez, a minha temática preferida, tendo já escrito que o tempo é um nome abstrato, materializando-se no tempo cronológico e no vivencial, dito psicológico.

Um beijo, deborabenvenuti :)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odete Ferreira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Entardecer com sabor a despedida 1 1.315 03/15/2018 - 12:59 Português
Poesia/Tristeza Música 1 1.248 03/15/2018 - 12:58 Português
Poesia/Desilusão Apenas mais um dia 1 1.867 03/15/2018 - 12:57 Português
Poesia/Meditação Se a vida fosse sempre assim 1 1.337 03/15/2018 - 12:56 Português
Ministério da Poesia/Fantasia Seres incompletos 3 1.629 03/15/2018 - 12:56 Português
Prosas/Outros No sopé da montanha 1 756 03/08/2018 - 18:01 Português
Poesia/Meditação Tempo(s) 1 1.416 03/08/2018 - 17:43 Português
Poesia/Fantasia Surrealidades 1 1.216 03/08/2018 - 17:42 Português
Poesia/Tristeza Emocão 5 1.592 03/08/2018 - 15:48 Português
Poesia/Dedicado Mulher-Dor 3 917 03/08/2018 - 15:14 Português
Poesia/Intervenção E a festa veste-se em cada madrugada 3 1.380 02/27/2018 - 10:43 Português
Poesia/Meditação À míngua 0 1.285 12/30/2015 - 21:36 Português
Poesia/Intervenção Não invoquem o meu nome em vão 0 1.757 11/25/2015 - 01:18 Português
Prosas/Outros Da alma 0 783 09/01/2015 - 18:58 Português
Poesia/Fantasia Surreal XXVIII 0 1.117 09/01/2015 - 18:29 Português
Poesia/Intervenção Da destemperança 0 2.205 08/26/2015 - 00:35 Português
Poesia/Meditação E no entre-Tanto faço caminho 0 1.514 07/02/2015 - 22:55 Português
Poesia/Meditação E continuamos pequeninos! 0 2.033 06/02/2015 - 19:15 Português
Poesia/Intervenção Nem te renego nem me nego 0 1.876 04/25/2015 - 01:08 Português
Poesia/Dedicado Laudatória 0 942 03/24/2015 - 18:03 Português
Poesia/Dedicado És...Mulher 0 1.361 03/08/2015 - 17:53 Português
Poesia/Amor Vida(s) 0 1.332 02/14/2015 - 17:07 Português
Poesia/Amor Moras nos meus sonhos 0 1.542 02/13/2015 - 15:30 Português
Poesia/Dedicado Olhares 0 2.265 01/22/2015 - 00:58 Português
Prosas/Outros Do exato momento da VIragem 0 1.311 12/30/2014 - 13:27 Português