CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Ventos de Maio

Em regos irrigados de palavras
de adubado e penoso suor,
vislumbro árvores vergastadas
de pequeninas encurvadas.
Roubado seu tempo de meninice,
escravidão que antecipa a velhice.

O pão continua parco. À mesa, uma fina dor.

Em dias envoltos de fantasias
de cheiros sugados nas maresias,
avisto masmorras submersas
de redes e linhas emaranhadas.
Procuras o afago das sereias.
Sôfregas anestesiam tua dor.

O peixe continua caro. À mesa, um canto sofredor.

Em momentos encantados
de versos soltos pintados,
respingo a alma poética
de viagens desenhadas
onde risco itinerários
e sóis de maias e maios.

A poesia continua apetecida. À mesa, ignoro lacaios.

Corre-me este temperado sabor,
ver-te livre, trabalhador,
nascido primeiro de Maio,
ainda que imberbe catraio.

Corre-me um destemperado ardor,
se do baralho do teu senhor,
te vejo na rua descartado,
olhar mortiço no chão rasgado.

Mês de marias, de maias e de maios flor…
 
OF – Pintura de Josephine Wall em http://portate-mal.blogspot.pt/

Submited by

quinta-feira, maio 1, 2014 - 10:49

Poesia :

No votes yet

Odete Ferreira

imagem de Odete Ferreira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 23 semanas 6 dias
Membro desde: 01/11/2011
Conteúdos:
Pontos: 1926

Comentários

imagem de deborabenvenuti

Ventos de maio

Lindo mês de maio e de marias,de esperanças, de suor e liberdade.

ABRAÇOS

LUAR DE OUTONO - http://deborabenvenuti13.blogspot.com.br

imagem de Odete Ferreira

Para deborabenvenuti

E que assim continue a ser...

Grata pela presença e gentil comentário.

Bjinho, deborabenvenuti

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odete Ferreira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Entardecer com sabor a despedida 1 1.139 03/15/2018 - 13:59 Português
Poesia/Tristeza Música 1 1.144 03/15/2018 - 13:58 Português
Poesia/Desilusão Apenas mais um dia 1 1.773 03/15/2018 - 13:57 Português
Poesia/Meditação Se a vida fosse sempre assim 1 1.242 03/15/2018 - 13:56 Português
Ministério da Poesia/Fantasia Seres incompletos 3 1.502 03/15/2018 - 13:56 Português
Prosas/Outros No sopé da montanha 1 642 03/08/2018 - 19:01 Português
Poesia/Meditação Tempo(s) 1 1.276 03/08/2018 - 18:43 Português
Poesia/Fantasia Surrealidades 1 1.123 03/08/2018 - 18:42 Português
Poesia/Tristeza Emocão 5 1.480 03/08/2018 - 16:48 Português
Poesia/Dedicado Mulher-Dor 3 651 03/08/2018 - 16:14 Português
Poesia/Intervenção E a festa veste-se em cada madrugada 3 1.164 02/27/2018 - 11:43 Português
Poesia/Meditação À míngua 0 1.116 12/30/2015 - 22:36 Português
Poesia/Intervenção Não invoquem o meu nome em vão 0 1.581 11/25/2015 - 02:18 Português
Prosas/Outros Da alma 0 681 09/01/2015 - 19:58 Português
Poesia/Fantasia Surreal XXVIII 0 1.015 09/01/2015 - 19:29 Português
Poesia/Intervenção Da destemperança 0 1.586 08/26/2015 - 01:35 Português
Poesia/Meditação E no entre-Tanto faço caminho 0 1.013 07/02/2015 - 23:55 Português
Poesia/Meditação E continuamos pequeninos! 0 1.512 06/02/2015 - 20:15 Português
Poesia/Intervenção Nem te renego nem me nego 0 1.433 04/25/2015 - 02:08 Português
Poesia/Dedicado Laudatória 0 833 03/24/2015 - 19:03 Português
Poesia/Dedicado És...Mulher 0 1.174 03/08/2015 - 18:53 Português
Poesia/Amor Vida(s) 0 1.135 02/14/2015 - 18:07 Português
Poesia/Amor Moras nos meus sonhos 0 1.454 02/13/2015 - 16:30 Português
Poesia/Dedicado Olhares 0 1.743 01/22/2015 - 01:58 Português
Prosas/Outros Do exato momento da VIragem 0 1.148 12/30/2014 - 14:27 Português