Pelo sonho vamos

Pelo sonho vamos

Pelo sonho vamos,
Tal é ter alma, não
Cá dentro, adiante
De mim e segui-la

Sem ela e eu saber,
Pelo sonho vamos,
Se não voltarmos
O rosto ao que foi

-Partiu, me deixou,
Não adianta seguir
O que a alma não
Sente ou não sou

Eu desse mundo,
-Passou, sonhar é
O que quero mas
Só consigo parte,

O resto do tempo,
Existo presente,
É o que sou vivo,
Não sei se daqui

Me perdi, não sei
Se quero ter esta
Alma tão cá dentro,
Em silencio, não sei

Se fui eu, ou serei
Meu maior medo
Ao olhar um mundo,
Que não é mesmo

Nem me reconhece,
Tampouco como seu…

Joel Matos (07/2017)
http://joel-matos.blogspot.com

Submited by

Thursday, February 8, 2018 - 12:26

Ministério da Poesia :

Your rating: None Average: 5 (1 vote)

Joel

Joel's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 13 hours 49 min ago
Joined: 12/20/2009
Posts:
Points: 40681

Comments

Joel's picture

Até quando Cheio de nada ter

Até quando Cheio de nada ter

Joel's picture

Até quando Cheio de nada ter

Até quando Cheio de nada ter

Joel's picture

Até quando

Até quando Cheio de nada ter

Add comment

Login to post comments

other contents of Joel

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/General Impressões 0 748 01/09/2011 - 21:02 Portuguese
Poesia/General Balada Para um Turco 0 807 01/09/2011 - 21:04 Portuguese
Poesia/General Im@gine 0 1.631 01/09/2011 - 21:05 Portuguese
Poesia/General Poemas sem ligação (aparente) 0 549 01/09/2011 - 21:09 Portuguese
Poesia/General Serões Ideais 0 892 01/09/2011 - 21:11 Portuguese
Prosas/Contos Free Tibet 0 1.098 01/09/2011 - 21:14 Portuguese
Prosas/Lembranças Versus de Montanya Mayor 0 1.441 01/09/2011 - 21:20 Portuguese
Prosas/Lembranças Nunca Mais 0 871 01/09/2011 - 21:22 Portuguese
Prosas/Mistério O Chico Das Saias 0 1.235 01/09/2011 - 21:26 Portuguese
Poesia/General VOLTEI 2 958 01/11/2011 - 00:09 Portuguese
Poesia/Meditation Om... 1 1.813 01/11/2011 - 00:11 Portuguese
Poesia/Erotic Seda Negra 1 1.012 01/11/2011 - 00:19 Portuguese
Poesia/General Manhã Manhosa 2 1.070 01/11/2011 - 11:25 Portuguese
Poesia/General Nem que 3 818 01/11/2011 - 11:39 Portuguese
Poesia/General Solidão não se bebe 1 602 01/12/2011 - 03:11 Portuguese
Poesia/General desencantos 0 1.043 01/12/2011 - 16:30 Portuguese
Poesia/General comun 0 1.084 01/12/2011 - 16:34 Portuguese
Poesia/General estranho 0 1.165 01/12/2011 - 16:36 Portuguese
Poesia/General Dispenso-a 0 846 01/12/2011 - 16:38 Portuguese
Poesia/General o céu da boca 0 725 01/12/2011 - 16:50 Portuguese
Poesia/General Não sei que vida a minha 1 612 01/12/2011 - 22:04 Portuguese
Prosas/Lembranças sete dias de bicicleta pelo caminho de Santiago francês 0 1.858 01/13/2011 - 00:58 Portuguese
Poesia/General Terra á vista 1 779 01/13/2011 - 02:13 Portuguese
Poesia/General O fim dos tempos 0 1.041 01/13/2011 - 11:52 Portuguese
Prosas/Saudade O-Homem-que-desenhava-sombrinhas-nas-estrelas 0 1.278 01/13/2011 - 11:57 Portuguese