CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Memorial da espera

Chegou a chuva com seus dedos de água
tamborilando a face dos cristais
e escreveu os teus signos nas janelas.
E veio um árduo frio pelas estradas
onde andam em geral os desamores,
meteu-se pelo viés dos meus umbrais
e me disse o teu nome por enigmas.

Eu me apressei em enfeitar a vida
com as coisas que luzem as esperas:
enchi vasos com versos e impudores
e no teto preguei clarões de lua.
Para que não te aflijas com meus lutos
guardei meus mortos em caladas lápides,
para que não te doam meus pesares
no jardim enterrei os infortúnios.
Para os teus lábios de promessa e beijo
minha boca sequiosa, envenenada,
engendrou na inquietude das demoras
um memorial de infernos e poemas.
 

Submited by

quinta-feira, maio 5, 2011 - 21:34

Ministério da Poesia :

No votes yet

Tania Alegria

imagem de Tania Alegria
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 9 anos 12 semanas
Membro desde: 05/02/2011
Conteúdos:
Pontos: 156

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Tania Alegria

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Poetrix Está tudo bem 0 1.139 05/05/2011 - 23:03 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Encantador de pássaros 0 1.236 05/05/2011 - 22:54 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Ritos 0 932 05/05/2011 - 22:48 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Sal da terra 0 814 05/05/2011 - 22:32 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Acaso 0 844 05/05/2011 - 22:30 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Fala comigo 0 1.001 05/05/2011 - 22:26 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Cicatriz 0 829 05/05/2011 - 22:23 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Este domingo 0 725 05/05/2011 - 22:18 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Quando estou triste me transformo em árvore 0 1.096 05/05/2011 - 22:15 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Sombras 0 722 05/05/2011 - 22:09 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Monólogo do morto 0 989 05/05/2011 - 22:05 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Habito lápides 0 817 05/05/2011 - 21:47 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Eu te direi em versos 0 927 05/05/2011 - 21:43 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Mulher diante do espelho 0 1.130 05/05/2011 - 21:38 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Memorial da espera 0 667 05/05/2011 - 21:34 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Horizontes 0 627 05/05/2011 - 00:29 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Assonâncias 0 1.178 05/05/2011 - 00:27 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Peito a dentro 0 713 05/05/2011 - 00:23 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Entrelaçando luzes 0 603 05/05/2011 - 00:20 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Enredando as horas 0 667 05/05/2011 - 00:09 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Assédio 0 520 05/05/2011 - 00:03 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Margens 0 639 05/04/2011 - 23:59 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Tréguas 0 571 05/04/2011 - 23:55 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Tréguas 0 479 05/04/2011 - 23:55 Português
Ministério da Poesia/Poetrix Seara amarga 0 675 05/04/2011 - 23:42 Português